Perseguição ocorreu na madrugada desta segunda (20), na Avenida Getúlio Vargas. Um dos homens foi identificado como Otávio Barbosa Lindoso, de 31 anos.

G1/Acre


Homens morreram após serem atropelados durante perseguição em Rio Branco (Foto: Arquivo Pessoal)

Dois homens morreram após serem atropelados por uma viatura policial durante uma perseguição na madrugada desta segunda-feira (20), na Avenida Getúlio Vargas, em Rio Branco. Um dos homens foi identificado como Otávio Barbosa Lindoso, de 31 anos, o outro ainda segue sem identificação no Instituto Médico Legal (IML).

No boletim, a polícia relatou que o motorista não teve como desviar da dupla que colidiu contra um poste e foi arremessada. Os homens, segundo o boletim de ocorrência, tinham, minutos antes, tentando roubar uma motocicleta, mas o proprietário do veículo arrancou e fugiu do local.

Conforme o boletim, os policiais estavam em patrulha na Rua Rui Barbosa quando os dois homens passaram em alta velocidade e avançaram o sinal vermelho. A dupla seguiu pela Avenida Ceará e a viatura iniciou a perseguição e informou o caso ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp).

Otávio Barbosa Lindoso, de 31 anos, morreu durante a perseguição policial (Foto: Arquivo Pessoal)

No trajeto, segundo relatado no boletim, a dupla que estava na moto fez várias vários contornos nas Ruas Minas Gerais e Rio de Janeiro seguindo pela Avenida Ceará para o Centro de Rio Branco. Ao chegar na Avenida Getúlio Vargas, os dois não obedeceram a ordem de parada e furaram um bloqueio seguindo na contramão em alta velocidade e dispararam duas vezes contra a viatura.

A perseguição continuou em alta velocidade até que o motorista da motocicleta perdeu o controle do veículo. A moto caiu, mas continuou se arrastando no chão e bateu em um poste na esquina da Rua Coronel Alexandrino. Após o impacto, segundo o boletim, os homens foram arremessados para a pista de rolamento e colidiram contra a viatura policial. O motorista da viatura afirmou no boletim que não teve tempo para desviar dos dois.

Após a colisão, os policiais verificaram o estado de saúde dos homens e acionaram ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) mas, após alguns minutos de atendimento dos socorristas, os dois morreram. A área foi isolada e a perícia técnica acionada para os procedimentos cabíveis.

Uma varredura foi realizada nos locais onde houve a perseguição, mas a arma utilizada pelos dois não foi encontrada. Os materiais coletados na cena do crime foram coletados.

Comentários