Arma deixada para trás após perseguição de policiais dentro da mata.

Um assalto ocorrido na noite deste domingo (13) na zona rural do município de Brasiléia, ainda está por terminar após uma troca de tiros entre um dos suspeitos e policiais militares do 10º Batalhão do Alto Acre.

Segundo informações, era por volta das 18h20 deste domingo quando dois homens abordaram um pequeno comercio localizado no ramal do KM 19 da 317 (Estrada do Pacífico), rendendo o proprietário armados com duas escopetas, para em seguida levar seu faturamento.

Rodrigo não resistiu ao ferimento no peito após ser baleado e morreu entes de chegar no hospital de Brasiléia.

A fuga se deu até o km 3, já próximo da cidade, quando os dois teriam entrado no ramal na tentativa de fugir das autoridades que já haviam sido alertadas sobre o caso e tentavam interceptar os suspeitos.

Rodrigo não resistiu ao ferimento e foi a óbito.

Foi quando os teriam se separados na tentativa de despistar os policiais. Um dos meliantes deixou uma das armas cair na fuga, uma escopeta calibre 16 municiada. O cerco se fechou contra um que teria efetuado um disparo e quando tentou novamente contra os policiais, a arma teria falhado.

Nesse momento foi alvejado no peito e caiu. O suspeito ainda foi levado pelos policiais para o hospital de Brasiléia, mas, não resistiu e foi a óbito antes de receber os primeiros socorros. A vítima foi identificada como Rodrigo Menezes de Lima (18).

Policiais militares e Civis estão na tentativa de localizar o segundo suspeito pela mata.

Mais informações a qualquer momento sobre o caso.

Comentários