Conecte-se conosco

Acre

Jovem é executado a tiros e índio comete suicídio em Sena Madureira

Publicado

em

Além do homicídio, houve também um caso de suicídio envolvendo um índio.

Da redação, com contilnet

Rudson foi atingido a tiros, indo a óbito antes mesmo de receber socorro/Foto: Sorrisoshownotícias

Rudson foi atingido a tiros, indo a óbito antes mesmo de receber socorro/Foto: Sorrisoshownotícias

No começo da noite desta segunda-feira (5), mais um crime de execução foi registrado em Sena Madureira, envolvendo um jovem morador do bairro da Pista. Ao se encontrar nas proximidades do bairro C.S.U, Rudson Bento Figueiredo foi pego de surpresa e não teve como esboçar reação.

Ele foi atingido a tiros, indo a óbito antes mesmo de receber socorro. Logo em seguida, populares acionaram as polícias Militar e Civil, mas o autor do crime evadiu-se rapidamente do local e está sendo procurado; a polícia já tem a identificação do criminoso, que pode ser capturado a qualquer momento.

O corpo permaneceu estendido no chão por alguns minutos, sendo removido do local e encaminhado para o Instituto Médico Legal, em Rio Branco, onde será realizado o exame cadavérico.

Conforme informações colhidas, ele morava no Beco do Adriano, bairro da Pista. A polícia ainda não confirmou, mas o crime pode ter tido ligação com o tráfico de entorpecente.

No bairro da Vitória, índio comete suicídio

Pode-se constatar que a noite de segunda-feira foi realmente fatídica no Vale do Iaco. Além do homicídio, houve também um caso de suicídio envolvendo um índio.

Pelo o que foi apurado até agora, ele foi encontrado dependurado em uma árvore (azeitona). O caso se deu no final da rua Beira Rio, bairro da Vitória. Informações extraoficiais dão conta de que o mesmo teria se separado recentemente de sua companheira.

Comentários

Acre

Polícia Civil investiga contas falsas em redes sociais para atacar honra de prefeito de Assis Brasil

Publicado

em

Prefeito Jerry Coreia e o vice Reginaldo Martins no dia da posse – Foto: arquivo/secom

A Procuradoria Jurídica do município de Assis Brasil ingressou com pedido de investigação contra contas falsas no Facebook e Instagram criadas para atacar a gestão e honra do prefeito e vice-prefeito de Assis Brasil. Os perfis investigados são contas falsas denominadas Zé de Assis, The Focus e Tríplice.fronteira_emtemporeal.

Segundo o Código Penal os criminosos uma vez identificados podem pegar até um ano de reclusão. A Constituição Federal defende a liberdade de expressão, mas veda o anonimato.

Segundo o Procurador Jurídico do município, Giordano Simplício, hoje em dia esse tipo de crime tornou-se fácil de identificar seus autores, por conta dos avanços tecnológicos e o treinamento especializado dos agentes.

“É bom lembrar que comete crime tanto quem cria perfis falsos como quem compartilha esse tipo de ilícito. Já existe no Acre uma Delegacia especializada em crimes cibernéticos”, disse o procurador.

Comentários

Continue lendo

Acre

Após apreensão, comandante de Pando devolve motocicleta roubada ao lado brasileiro

Publicado

em

Na data de ontem, 19, o comandante do departamento de Polícia de Pando fez a devolução de uma motocicleta denunciado como roubado no lado brasileiro.

A motocicleta foi recebida pela Polícia Civil, através do Delegado Ricardo Castro que em seguida foi devolvida ao proprietário do veiculo.

Comumente ambos os departamentos fazem a devolução de veículos para o país de origem, a parceria entre a polícia boliviana e brasileira tornou possível tal ato, o veiculo é devolvido ao proprietário sempre que o mesmo comprovar que o veiculo pertence a ele(a).

Comentários

Continue lendo

Acre

Alan Rick destaca assistência médica nos rincões do país

Publicado

em

Em entrevista ao programa Jogo Rápido, da Agência Câmara de Notícias, o deputado Alan Rick ressaltou a importância da assistência médica integral nos municípios mais distantes dos grandes centros urbanos.

“Um dos grandes desafios do Brasil é garantir o provimento médico nos lugares mais distantes, nos municípios mais pobres, nas áreas de mais necessidade. E foi pensando nisso que em 2016 apresentei emenda à lei do programa Mais Médicos, que hoje possibilita que os brasileiros formados no exterior tenham prioridade na contratação”, disse o parlamentar.

Segundo ele, os médicos formados no exterior são aqueles que permanecem nas unidades de saúde.

Comentários

Continue lendo

Em alta