Ana Caroline Vale, de 23 anos, foi presa na última quarta-feira (26).
Jovem violou tornozeleira eletrônica e procurou o clínico geral, diz advogado.

G1

 Mulher difama médico e posta foto íntima de médico em Rio Branco  (Foto: Reprodução/Facebook)
Mulher difama médico e posta foto íntima de médico em Rio Branco (Foto: Reprodução/Facebook)

Ana Caroline Vale, de 23 anos, está presa desde a quarta-feira (26) após violar a tornozeleira eletrônica por ao menos três vezes. A jovem havia publicado no Facebook uma foto íntima de um médico de 30 anos, com quem manteve um relacionamento. A Justiça havia decidido, por meio de medida cautelar, que ela deveria ficar distante do homem, determinação que também foi descumprida.

A advogada Larissa Leal, que representa Ana, confirmou que a prisão ocorreu devido aos descumprimentos das medidas impostas pelo judiciário. No momento da prisão, a jovem encontrava-se em tratamento no Hospital de Saúde Mental do Acre (Hosmac). A jurista ressaltou que a cliente possui laudo médico que comprova problemas psicológicos.

“Ela tem transtorno afetivo bipolar episódio atual hipomaníaco. Na audiência, pedi que ela fosse ao Hosmac e temos que aguardar a decisão do juiz. O médico solicitou a internação hospitalar por ela apresentar comportamento suicida, alteração súbita de humor e comportamento questionador”, falou.

saiba mais

O advogado do médico, Luiz Carlos Bezerra, disse que, ao todo, foram nove petições encaminhadas ao judiciário referentes a descumprimentos de determinações. Um dia depois de ter recebido o monitoramento eletrônico, no dia último dia 21 deste mês, a mulher teria violado a tornozeleira e ido até a casa do médico.

“Ela não podia se aproximar 500 metros da casa dele e também não devia continuar postando coisas. Só que não foi suficiente. Ela rompeu a tornozeleira três vezes em dois dias. Depois de ir para casa, foi manifestada pela prisão e a Justiça determinou. Ela foi ouvida em audiência de custódia e foi mantida a prisão preventiva”, afirmou.

Bezerra acrescentou que, com a determinação, Ana deve ficar presa até deliberação posterior da Justiça. “Pode ser determinação de voltar ao Hosmac ou ser solta com habeas corpus. Houve a solicitação de que seja instaurado um incidente de sanidade mental para saber se ela tem de fato algum distúrbio psicológico. Um perito deve avaliar”, finalizou.

Entenda o caso
Na última quinta-feira (20), um clínico geral de Rio Branco, que preferiu não se identificar, relatou que vem passando por vários transtornos após terminar um relacionamento com Ana Caroline.

Na quarta (19), o médico teve uma foto do seu pênis publicada no perfil do Facebook da jovem. Antes, dois vídeos dela seminua também foram publicados no perfil. A menina alega que os vídeos foram publicados pelo médico e que, por vingança, postou a foto íntima do homem.

Os dois alegam que não foram namorados, mas que se relacionavam há cerca de um ano. Desde que resolveu romper com Ana, o médico contou que já registrou 22 boletins de ocorrência. Na Justiça do Acre, ele moveu dois processos contra ela, um por danos morais e outro por difamação. O médico alega que a jovem costuma usar as redes sociais para denegrir sua imagem.

Os vídeos de Ana e a foto íntima do médico foram despublicados, mas geraram polêmica nas redes sociais. Algumas pessoas condenaram a jovem e outros julgaram o médico. Já o médico, alega que é perseguido pela jovem e que, inclusive, já foi ameaçado de morte.

Com medo que algo aconteça, o clínico geral contratou um segurança para que dê cobertura quando o médico volta para casa. Além disso, ele alega que também teve que instalar câmeras de segurança.

Comentários