O ano se encerra daqui há três dias e esse é o momento em que muita gente faz uma avaliação sobre os 365 dias que ficaram para trás para identificar os pontos positivos, o que deu certo ou o que deu errado e planejar um ano novinho que será inaugurado em 1º de janeiro. A deputada estadual Leila Galvão (PT) reuniu sua equipe há quinze dias do fim de 2017, justamente, para fazer essa avaliação.

Em um ano político agitado e conturbado, quando o País e o Estado vivem momentos econômicos difíceis, o balaço é o de que o mandato de Leila Galvão, em 2017, foi positivo e propositivo, já que sua atuação contribuiu para o desenvolvimento do Estado e para a melhoria da qualidade de vida dos cidadãos, principalmente, os da região do Alto Acre, das cidades de Assis Brasil, Brasileia, Epitacilândia e Assis Brasil.

“Minha candidatura a deputada estadual surgiu dessa região, portanto, o meu mandato é natural de lá. Devo, então, dedicar maior atenção para essas cidades e sua gente”, explicou Leila Galvão.

Sendo assim, a parlamentar petista procurou realizar parcerias com as prefeituras do Alto Acre. Em outubro, por exemplo, mulheres de Brasileia estiveram em Rio Branco realizando exames de mamografia e outros que possibilitam a identificação precoce de câncer de mama. Essa ação foi realizada graças ao empenho do gabinete de Leila Galvão que fez parceria com a prefeitura daquela cidade. A mesma parceria também contou com a participação da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa (Aleac), através do seu presidente Ney Amorim (PT), e Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre).

“Esse é apenas um exemplo do trabalho que realizamos em parceria com as administrações municipais. Isso fortalece as gestões e garante acesso a serviços que não chegam tão fácil para as pessoas, principalmente, para as mulheres.”

E esse apoio às mulheres tem recebido atenção especial de Leila Galvão. Ela é a liderança feminina do Partido dos Trabalhadores na Aleac. Assim sendo, tem buscado pautar a casa com temas de relevância para as causas das mulheres.

É bom ressaltar, porém, que sua atuação na Aleac vai muito além. Leila participa das comissões de Finanças; de Educação, Cultura e Desporto; de Direito do Consumidor e de Limites Territoriais. Nesta última, atua como presidente.

Em plenário, fez 71 pronunciamentos e mais 42 indicações. Fez, ainda, 387 visitas diversas ao longo do ano. Esses números a colocam com uma atuação bem acima da média.

Muitas de suas indicações já foram atendidas ou estão em andamento. É o caso da implantação do Ensino Médio na escola 7 Estrelas, em Assis Brasil e a construção de duas salas de aula e reforma da quadra da escola Valéria Bispo Sabala, em Brasileia. Tão importante quanto esses foi a implantação do Ensino Integral na região do Alto Acre, mais especificamente, na escola Kairala José Kairala e a recuperação do ramal do Icuriã, em Assis Brasil.

“Esse é um importante ramal para a região do Alto Acre. Ali há centenas de famílias de produtores rurais, seringueiros e extrativistas que, a partir de agora, têm um acesso mais facilitado para as cidades e para os mercados onde podem comercializar seus produtos a preços bem mais justos.”

Nessa questão de acesso e transporte, Leila Galvão foi praticamente incansável na luta pela recuperação e manutenção de ramais, estradas e rodovias. Mas ela dedicou maior atenção mesmo para os problemas da BR-317, que liga a capita Rio Branco à região do Alto Acre, buscando articulação forte com a chefia da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), que sempre atendeu às suas reivindicações.

Também foi a atuação forte de Leila Galvão que garantiu a recuperação e manutenção da Estrada da Borracha, em Xapuri. Foram realizadas parcerias com a prefeitura de Xapuri que vão desde a liberação de emendas parlamentares à aquisição de kits de sangrias para o trabalho das famílias da reserva Chico Mendes.

“Durante nossa reunião de avaliação do mandato neste ano, pontuamos todas as nossas atividades. Essas que citamos aqui foram apenas uma parte de tudo que foi possível realizar”, explicou a parlamentar. “Devo ressaltar, contudo, que isso só foi possível graças ao grande empenho de minha equipe, pois trabalho com pessoas dedicadas que comungam do mesmo objetivo que o meu, que é o de fazer sempre o melhor para o Acre e para essa nossa gente, desde os que residem nas cidades aos que estão lá nas mais longínquas localidades da nossa floresta”, acrescentou. “Tem, ainda, as parcerias e os apoios institucionais e de nossas autoridades, como o governador Tião Viana, que sempre foi mais que um parceiro, foi um amigo de todas as horas, e o nosso presidente da Aleac, o Ney Amorim, que é outra pessoa que tenho muito a agradecer. Não posso esquecer dos nossos parlamentares federais, que estiveram sempre prontos para nos ajudar lá em Brasília”, disse. “São tantas pessoas que nos ajudaram a fazer desse um mandato vitorioso que nem daria para citar todos, mas aproveito para agradecer, de coração, por tudo que fizeram por mim, pelo meu mandato, e pelo sucesso dos nossos projetos”, finalizou.

Comentários