Maníaco das Calcinhas

Pedro Paulo

João Nascimento de Souza, 40, foi preso nesta terça-feira, 22, pela Polícia Civil sob a suspeita de estuprar uma estudante, na BR-364 e de atacar mulheres nos arredores do Parque Chico Mendes, em Rio Branco. O investigado, segundo a polícia, atacava mulheres desacompanhadas e nutria o hábito de furtar calcinhas de varais para práticas pervertidas.

Ele estava com a prisão preventiva decretada pela justiça em consequência de uma investigação do Núcleo de Atendimento a Criança e ao Adolescente Vítima (Nucria), conduzida pela delegada Eliana Elias, em 19 de março de 2013, quando chegou a ser preso em flagrante pelo crime.  No dia 11 de abril do mesmo ano, João Nascimento, foi flagranteado outra vez pelo crime de furto e novamente posto em liberdade.

Segundo a polícia, no dia 17 de janeiro de 2016, João Nascimento atacou uma mulher no Parque Chico Mendes. Por sorte, o marido da vítima estava perto e evitou o estupro. Na manhã desta terça-feira, 22, os investigadores do Grupo Especial de Capturas da Polícia Civil (Gecapc), o prenderam enquanto caminhava pelo Ramal Bom Jesus e deram cumprimento ao mandado de prisão.

Com o investigado, no momento da prisão, os agentes de Polícia Civil encontraram sete calcinhas, uma revista masculina e alguns preservativos.

“Pela legislação vigente, mesmo sem ter havido relação sexual, qualquer ato libidinoso contra criança é caracterizado como estupro. Por isso, João Nascimento vai responder por estupro de vulnerável em outros inquéritos instaurados para apurar denúncias de crimes imputados ao acusado”, explicou o delegado do Gecapc, Fabrizzio Sobreira.

Comentários