Previsão é de que placas comecem a ser instaladas a partir de 1 de dezembro — Foto: TV Globo

O Ministério Público do Estado do Acre (MP-AC) recomendou ao Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AC) que solicite ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) o adiamento do uso das novas placas padrão Mercosul no estado. O pedido é que a implantação seja adiada por um período mínimo de 60 dias.

Ao G1, a diretora do Detran-AC, Shirley Torres, afirmou que o órgão deve protocolar, ainda nesta quinta-feira (29), um pedido junto ao Denatran. Porém, segundo ela, a solicitação vai ser para adiamento por 30 dias.

“Recebemos a orientação do MP, vamos acatar, já está sendo caminhado hoje mesmo ao Denatran. Vamos pedir um prazo de no mínimo 30 dias, para que as empresas estampadoras credenciadas do Acre, tenham tempo suficiente para se organizar e possam atender a demanda do estado”, disse Shirley.

O Denatran informou que está sendo analisado os pedidos de prorrogação de prazo para implantação das placas padrão Mercosul. “Na próxima reunião do Contran, que ocorrerá na sexta feira [30] o referido assunto entrará em pauta e será deliberado”, informou.

Conforme o MP, a recomendação é por conta da necessidade de debater os problemas que envolvem a implantação do novo modelo de placas. O órgão já havia instaurou um procedimento preparatório para investigar o processo de substituição das placas dos veículos no Acre.

O prazo atual para que todos os estados adotem as placas do Mercosul é 1º de dezembro. Elas só serão obrigatórias para carros novos, transferidos de município ou de proprietário, e em outras situações que exigem a troca de placas.

O novo padrão tem 4 letras e 3 números, diferente do modelo usado até então, com 3 letras e 4 números.

Outra diferença é que a cor do fundo das placas será sempre branca. O que varia é a cor da fonte. Para veículos de passeio, cor preta, para veículos comerciais, vermelha, carros oficiais, azul, em teste, verde, diplomáticos, dourado e de colecionadores, prateado.

Comentários