Conecte-se conosco

Geral

Mirla Miranda lançou pré-candidatura a deputada federal

Publicado

em

Uma animada celebração marcou o lançamento da pré-candidatura de Mirla Miranda a deputada federal pelo Acre. O ato foi realizado na última sexta-feira, 15, em Rio Branco. A comunicadora é candidata pelo partido União Brasil. Rodeada de amigos, autoridades e apoiadores, a pré-candidata disse que aceitou esse novo desafio com humildade e responsabilidade, porque acredita no crescimento do Acre.

“Deus está preparando um novo tempo para o nosso estado. Me lancei nesse desafio porque quero um lugar melhor para o acreano que vive no campo e na cidade. Com trabalho, preservando os valores cristãos e ao lado de pessoas frutíferas, não mediremos esforços para que os aspectos sociais, econômicos, educacionais e culturais de cada município acreano sejam desenvolvidos”, destacou a pré-candidata à Câmara.

Mirla é um nome de destaque nestas eleições. Ela é jornalista, publicitária, psicanalista e administradora e além disso, é irmã do deputado federal e pré-candidato ao Senado, Alan Rick, um dos deputados mais atuantes do Acre em seus dois mandatos.

“A Mirla é um excelente nome. Ela é uma mulher muito trabalhadora e perseverante, qualidades necessárias nos grandes líderes”, destacou o parlamentar que é também o mentor político de Mirla Miranda.

Além do deputado, participaram do evento lideranças do União Brasil no Acre e líderes religiosos. “Fiquei muito feliz em ver tanta gente no evento. É a demonstração de que as pessoas desejam novos rumos para o nosso estado e querem uma política séria, focada em transformar a vida das pessoas para melhor. É isso que me motiva”, finalizou Mirla.

Comentários

Geral

Boletim Sesacre deste domingo, 2, não registra casos de covid-19

Publicado

em

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), informa que não foram registrados novos casos de coronavírus neste domingo, 2 de outubro. O número de infectados notificados é de 149.730 em todo o estado.

Até o momento, o Acre registra 356.217 notificações de contaminação pela doença, sendo que 206.481 casos foram descartados e 6 exames de RT-PCR aguardam análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen). Pelo menos 145.096 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que 1 continuava internada até o fechamento deste boletim.

Os dados da vacinação contra a covid-19 no Acre podem ser acessados no Painel de Monitoramento da Vacinação, disponível no endereço eletrônico: http://covid19.ac.gov.br/vacina/inicio. As informações são atualizadas na plataforma do Ministério da Saúde (MS) e estão sujeitas a alterações constantes, em razão das informações inseridas a partir de cada município.

Nenhum óbito foi notificado neste domingo, 2, fazendo com que o número oficial de mortes por covid-19 permaneça em 2.029 em todo o estado.

Sobre a ocupação de leitos no estado, acesse:
http://covid19.ac.gov.br/monitoramento/leitos

Comentários

Continue lendo

Geral

Distrito Federal: ex-ministra Damares Alves é eleita senadora

Publicado

em

Damares Alves foi eleita para o Senado Federal. Foi ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos | Sérgio Lima/Poder360 05.ago.2022

Ex-ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, ela assume a única vaga aberta para o cargo na eleição deste ano

Ex-ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves (Republicanos) foi eleita senadora pelo Distrito Federal com mais de 650 mil votos. Com 91,48% das urnas apuradas, Flávia Arruda (PL) não consegue mais alcançá-la.

Além de política, Damares é advogada e pastora evangélica. Nascida em Paranaguá (PR), ela se mudou com a família para o Nordeste ainda criança e, depois, para o interior de São Paulo, onde se formou em Direito na extinta Fadisc, em São Carlos. Ela se mudou para Brasília e se tornou assessora parlamentar, sobretudo de parlamentares da bancada evangélica.

Antes de sair candidata ao Senado, Damares, uma das ministras mais conhecidas do presidente Bolsonaro, foi cotada para concorrer à Câmara dos Deputados e até ao cargo de vice-governadora ao lado do atual governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), que disputa a reeleição.

 

Comentários

Continue lendo

Geral

Eleitor registra boletim de ocorrência na PF e suspeita de erro em urna eletrônica; “votei e não saiu a foto do meu candidato”

Publicado

em

O eleitor Francisco Ribeiro Acácio Neto esteve na sede da PF em Rio Branco para registra boletim de ocorrência por suposto erro na urna eletrônica na sessão em que ele votou.

De acordo com o eleitor, ele realizou todos os seus votos normalmente, mas quando digitou o último voto,para presidente da República ele disse que não apareceu a foto do candidato e a votação foi encerrada.

“Quando digitei o voto para presidente não apareceu a foto do candidato, então alguma coisa aconteceu e vim aqui na Federal para registrar um boletim e saber o que tá acontecendo”, afirmou.

Comentários

Continue lendo

Em alta