Socorristas do Bombeiros prestaram os primeiros socorros - Foto: Alexandre Lima
Socorristas do Bombeiros prestaram os primeiros socorros – Foto: Alexandre Lima

Alexandre Lima

Infelizmente, a jovem Edineuza Cavalcante Gomes (22), moradora da cidade de Brasiléia e que se envolveu num acidente na manhã desta sexta-feira, dia 21, não resistiu aos ferimentos internos ocasionado pelo choque ocasionado pelo veículo.

Segundo foi informando, Edineuza teria se descuidado ao atravessar a Rua José Joaquim de Lima, no momento em que um caminhão passava. Com o choque, por pouco não foi esmagada pelo veículo. A mulher estava no seu quarto mês de gestação.

Edileuza recebeu todos o atendimento disponível no hospital de Brasiléia, mas teve que ser transferida para a Capital, já que seu estado de saúde e da criança necessitava de cuidados especiais. Seu esposo que estava trabalhando, teria acompanhado junto na ambulância.

Faltando apenas cerca de 70 quilômetros para chegar em Rio Branco, a ambulância se encontrada dentro do perímetro do município de Capixaba, Edileuza não resistiu aos ferimentos e foi a óbito. O caso foi comunicado ao hospital de Brasiléia.

O corpo continuaria a viajem para Rio Branco até o Instituto Médico Legal – IML, para exames cadavérico, para em seguida ser liberados aos familiares e sepultamento.

Matéria relacionada:

Mulher grávida é atropelada ao cruzar rua de bicicleta na frente de caminhão

Comentários