A jovem Daiane Brito da Silva, 26 anos, foi assassinada na tarde desta quinta-feira (28) com 3 tiros enquanto caminhava com uma amiga próximo ao colégio São José, na Avenida Floriano Peixoto, centro da Capital, Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, a vítima era presidiária monitorada por tornozeleira eletrônica.

Ainda segundo a polícia, dois homens se aproximaram da vítima e sua amiga e atiraram cinco vezes. Após o crime, a dupla fugiu com a motocicleta.

Uma viatura do Samu ainda foi acionada, mas ao chegar ao local a vítima já estava morta.

De acordo com informações da polícia, a vítima morava no bairro Preventório, conhecido como Papoco, e estava em liberdade condicional há dois meses após deixar o presídio por tráfico de drogas.

Comentários