O novo diretor da Rádio Difusora Acreana, Raimundo Fernandes, disse nesta segunda-feira (7) que sua prioridade é “desoficializar” a emissora, retomando a programação popular que em sua opinião foi perdida nos últimos anos.

Fernandes criticou o estado de sucateamento da Difusora, carinhosamente conhecida como “voz das selvas” e quer promover a valorização dos servidores da casa. “Precisamos melhorar a qualidade do áudio e as condições gerais da rádio, cujas condições são desumanas”, disse o diretor.

Comentários