Para Bittar, o caso da BR 364 é de polícia, e já deveria ter sido apurado pelo Ministério Público Federal

Bittar: “Tudo o que eles (o PT) criticavam, nos outros, estão fazendo pior”,
Bittar: “Tudo o que eles (o PT) criticavam, nos outros, estão fazendo pior”,

O ex-deputado Marcio Bittar (PSDB) disse ter ficado estarrecido com o que ele chama de “a última pérola’ do governador Tião Viana (PT). Bittar se refere às declarações do governador sobre o estado precário da BR-364, quando o petista teria culpado os empresários de Cruzeiro do Sul pela situação da estrada.

As declarações de Tião Viana foram publicadas pelo site AC24horas, e foi notícia, também, até em sites de outros Estados. ”É um absurdo o governador tentar tirar este problema de sua responsabilidade e jogar nas costas de um povo que vive praticamente isolado do resto do País. É muita ingratidão. É este o presente que o povo do Juruá ganha, depois de ter dado duas eleições ao PT?”, pergunta o tucano.

Bittar lembra que se completarão 20 anos em que o PT está no poder no Acre, e que o partido teve todas as condições necessárias para concluir a pavimentação da BR 364, mas não o fez. Segundo ele, a rodovia que tiraria uma das principais regiões do Estado do isolamento não foi concluída por “incompetência”. “Lembro que eles criticavam a estrada que o Romildo Magalhães construiu de Feijó a Tarauacá, diziam que o ex-governador estava ligando ‘nada a lugar nenhum’; fizeram pior”, ironiza.

Bittar diz que os petistas faziam críticas ao ex-governador Wanderley Dantas, chamando-o de megalomaníaco. Depois voltaram a artilharia petista para Rubens Branquinho, dizendo à época que ele queria construir uma estrada aos pedaços; outro alvo da militância do PT foi Orleir Cameli, que, segundo Bittar, conseguiu fazer o quilômetro mais barato de asfalto do País, na época, mas mesmo assim foi duramente criticado pelos petistas, que afirmavam que se eles fossem construir a obra fariam por um valor bem menor.

Tucano diz que as pessoas que precisam da estrada continuam enfrentando muito sofrimento com os grandes atoleiros
Tucano diz que as pessoas que precisam da estrada continuam enfrentando muito sofrimento com os grandes atoleiros

“Eles (o PT) diziam que se estivessem no poder, naquela época, fariam um quilômetro da BR 364 ao custo de R$ 300 mil. Tiveram muito dinheiro e todo tempo do mundo, gastaram mais de um bilhão de reais e não conseguem entregar a obra. Criaram um grande abacaxi e não sabem descascar. O certo é que seus dentes estão para cair, e a obra não sai; culpam o Dnit, que é um órgão do governo federal, administrado por pessoas do governo petista, culpam todo mundo, e as pessoas que precisam dessa estrada continuam enfrentando o maior sofrimento quando precisam trafegar nela”, comenta o tucano.

“O PT fez uma obra que não aguenta ver a fotografia de uma carreta que se desmancha toda”, diz Marcio
“O PT fez uma obra que não aguenta ver a fotografia de uma carreta que se desmancha toda”, diz Marcio

Ao lembrar que o senador Gladson Cameli (PP) fez vários questionamentos sobre a estrada, e duras críticas ao governador Tião Viana através das redes sociais, o tucano dá mais uma bicada no governo petista: “O Gladson tem razão. O PT fez uma obra que não aguenta ver a fotografia de uma carreta que se desmancha toda. Como se faz uma estrada federal e proíbem o tráfego de caminhões, que têm que ser utilizados para transportar a produção e a mercadoria para abastecer o comércio nos municípios que ficam às suas margens? Isso é um absurdo, quando chega o inverno eles põem três balanças para medir o peso dos veículos, e muitos deles ficam proibidos de trafegar. Tudo o que eles criticavam, nos outros, estão fazendo pior”, critica.

Para Bittar, o caso da BR 364 é de polícia, e já deveria ter sido apurado pelo Ministério Público Federal. “A Justiça precisa agir, punir os culpados por tantos desmandos, são 20 anos de dinheiro jogado fora e o que a gente vê é petista tratando o povo do Acre como imbecil, ao dizer que ‘se esta obra estivesse nas mãos do governo do Acre’ já estaria pronta. Ora, e o Dnit é comandado por quem, não é pelos petistas?”, questiona.

Comentários