_MG_9760

O candidato a governador da Coligação Por um Acre Melhor, Marcio Bittar (PSDB), disse em reunião na noite deste sábado, 26, no bairro Aeroporto Velho, que beneficiários do programa Bolsa-Família e funcionários das cooperativas que prestam serviços para o Estado não precisam ter medo das ameaças que o PT faz com a proximidade das eleições.

Segundo o candidato Marcio Bittar, as informações são de que nos últimos dias tem se intensificado reuniões com pessoas que dependem do Bolsa-Família e com servidores de cooperativas, sob tom de muita ameaça, caso o PT perca a eleição. “Até onde vamos parar com isso, minha gente? Ameaçar as pessoas dizendo que se nós ganharmos as eleições vamos extinguir esses benefícios é um crime. Foi nosso partido quem criou o Bolsa-Escola, que foi unificado com outros programas pelo PT e passou a se chamar Bolsa Família. Nós vamos é melhorá-lo”, disse.

O alerta sobre o “jogo-sujo” dos adversários foi feito pelo candidato Marcio Bittar numa reunião por meio da qual parentes, amigos, vizinhos e servidores da saúde fizeram para lançar a candidatura a deputado estadual do Daniel do Sintesac (PSDB). Marcio lembrou que em seu plano de governo existe a proposta que melhora a relação do Estado com as cooperativas e, principalmente, com as famílias beneficiárias do Bolsa-Família.

Bittar fez questão de relembrar à plateia como foi criado este programa social. “O governo FHC introduziu o primeiro programa de distribuição direta de renda, o Bolsa Escola (posteriormente transformado no Bolsa Família no início do governo Lula), beneficiando mais de 5 milhões de famílias. A Rede de Proteção Social, possuía vários serviços sociais, como o Bolsa Alimentação, o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – (PETI), Auxílio Gás, entre outros”, informou Bittar.

“Como nosso presidente Aécio Neves (PSDB), o Bolsa Família passará a ser um programa de governo”, acrescentou o candidato a governador da Aliança Por um Acre Melhor.

No final da tarde deste sábado Marcio Bittar cumpriu agenda no campus da Ufac, onde acontece a 66º Reunião da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, o SBPC. Visitou estandes, cumprimentou as pessoas e depois seguiu para as imediações do Posto Amapá, onde aconteceu o Bandeiraço 45, na rotatória. Pela manhã ele e o candidato ao Senado, Gladson Cameli (PP), acompanhados do prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales, estiveram no município de Manuel Urbano, onde cumpriram agenda com vereadores e militantes.

Assessoria

Comentários