Acusado já praticou homicídio e assaltos no Acre e Rondônia desde quando era menor de idade

Alexandre Lima

Mesmo com testemunha e arma apreendida, negava que a mesma era de sua pripriedade - Fotos: Alexandre Lima
Mesmo com testemunha e arma apreendida, negava que a mesma era de sua pripriedade – Fotos: Alexandre Lima

Moradores do bairros Leonardo Barbosa I e II, Samaúma e 28 de Maio, estão a mercê de um grupo de delinquentes que estão andando fortemente armados com escopetas de variados calibres pelas ruas, fazendo ameaças a quem cruzar seus caminhos.

Esses fatos foram testemunhados por vários moradores que viram um grupo de aproximadamente cinco homens praticando ameaças contra um dos moradores, quando puseram duas escopetas contra a cabeça, que estava com sua esposa e seu filho no colo.

Indignados, resolveram ligar através do 190 (emergência), para denunciar o caso. Uma equipe de policiais militares se deslocaram até o bairro 28 de Maio munidos das informações e características dos suspeitos.

Ao se aproximarem, perceberam que alguns fugiram tomando rumo ignorado pela escuridão da noite. Foi quando perceberam um jovem circulando próximo com atitude suspeita e tinha características que haviam sido passadas.

Ao ser abordado, foi identificado como sendo Lenilton Jucar Melgar (18), vulgo ‘Playboy’ que havia sido preso a uma semana atrás, acusado de envolvimento num assalto onde usou um revolver calibre 38. Em seu histórico de vida, existe um homicídio e outros delitos no estado vizinho de Rondônia e aqui no Acre.

Por coincidência, foi encontrado uma escopeta calibre 32 municiada, enrolada numa camisa descrita pelos moradores ao seu lado. Como é de praxe, delinquentes usam duas camisas para possam despistar após algum crime praticado.

Lenilton jurou, novamente, que a arma não seria de sua propriedade, mas com o testemunho de um dos moradores, foi conduzido a uma das celas da delegacia de Brasiléia, onde será ouvido pelo delegado pela parte da manhã.

O restante do grupo que vem aterrorizando os moradores dos bairros citados, estão sendo procurados pela Polícia e podem ser retirados das ruas a qualquer momento.

Matéria relacionada:

Polícia Civil de Brasiléia prende jovem de 18 anos que praticou assalto com revólver 38

 

Comentários