O colete e a arma roubada de vigilante seria usada para assalto no lado peruano

Eduardo e Arnaldo teriam participação no assalto no hospital de Assis Brasil – Foto: Divulgação

Uma resposta contra a ação de bandidos que invadiram o hospital da cidade de Assis Brasil, na fronteira do Acre na madrugada desta quarta-feira, dia 9, várias equipes da Polícia Militar do 10º Batalhão, junto com equipe do Município, realizaram uma operação na tentativa de recuperar produtos de roubos e suspeitos em vários crimes.

Durante todo o dia, várias pessoas foram conduzidas para a delegacia, até identificar dois dos suspeitos que estiveram diretamente no assalto ao vigilante do hospital. Também foram encontrados, uma moto utilizada pelos assaltantes, uma espingarda e uma moto serra que seria fruto de um furto.

Dois dos envolvidos, identificados apenas por Arnaldo e Eduardo, teriam confessado o envolvimento no assalto do hospital. Outros dois que já foram identificados (quatro no total), ainda estão sendo procurados e obtiveram informações que a arma e o colete roubados irão servir para pratica de assaltos no lado boliviano.

Os trabalhos na busca da arma e do colete do vigilante ainda não foram localizados, mas, se espera obter êxito nas próximas horas, uma vez que todos foram identificados

Reforço policial

Segundo o comandante do 10º Batalhão do Alto Acre, Major Fredson Araújo, o policiamento na cidade de Assis Brasil será intensificado, afim de evitar esses tipos de ações. “A Policia Militar deu uma resposta rápida para que os moradores possam ter uma tranquilidade salutar naquele pequeno município”, disse o militar.

Mais informações a qualquer momento.

Moto usada no assalto do hospital foi encontrada e apreendida

Comentários