Conecte-se conosco

Cotidiano

Polícia Civil faz alerta para golpe praticado por estelionatários na internet

Publicado

em

Estima-se que, entre quatro brasileiros, três  acessam a internet, o que corresponde a 134 milhões de pessoas que utilizam smartphones e outros dispositivos eletrônicos.

Por isso, a rede de comunicação  se transformou também em uma ferramenta para a prática de atividades criminosas, que têm como alvo internautas que apresentem alguma vulnerabilidade, incluindo crianças, adolescentes e idosos.

O “golpe do amor”, por exemplo, é um tipo de crime que tem como alvo, na maioria das vezes, mulheres que buscam relacionamento amoroso nas redes sociais. As vítimas são levadas a acreditar em perfis falsos, usados por criminosos em redes sociais ou outros sites de relacionamento que, após ganhar certa intimidade, passam a trocar mensagens pelo WhatsApp, Messenger ou e-mails.

Na maioria dos casos relatados pelas vítimas à polícia, os contatos se apresentam como estrangeiros. Foto: Odair Leal/Secom.

Nos diálogos, os golpistas por trás dos perfis falsos demonstram total amor e carinho às vítimas, fazendo juras de amor e prometendo visitá-las. Na maioria dos casos relatados pelas vítimas à polícia, os contatos se apresentam como estrangeiros, normalmente guerrilheiros americanos que estão no Iraque ou Afeganistão devido a alguma missão de paz ou guerra.

Em uma das modalidades do golpe, o “amor virtual”, após envolver a vítima com declarações de afeto, relata problemas pelos quais está passando, como uma filha internada, falta de dinheiro para se alimentar ou voltar para casa, e pede ajuda da vítima para resolver a situação. A vítima, iludida e apaixonada, envia altas quantias em dinheiro para o golpista, por meio da conta bancária indicada, do próprio criminoso ou de “laranjas”.

É comum essas contas serem da região Sudeste, com maior incidência do estado de São Paulo. Em outras situações, o estelionatário diz à vítima que lhe enviará um presente (joias, ouro, dólares) e, passados alguns dias, informa que o pacote ficou preso na alfândega. Para liberar, é preciso pagar uma taxa e a vítima, ansiosa para receber o presente, acaba concordando em enviar dinheiro para a conta bancária indicada pelo golpista.

Após a vítima fazer as transferências bancárias, os falsos “namorados” desaparecem e as vítimas, então, se dão conta de toda a trama em que foram envolvidas. Em alguns casos, por ficarem envergonhadas diante da situação, as vítimas não procuram uma delegacia para relatar o fato.

Como prevenir

Para evitar ser vítima de crimes como esse, autoridades da segurança pública recomendam que as pessoas fiquem atentas a relacionamentos virtuais, buscando sempre marcar encontros pessoais com o namorado ou namorada, de preferência, em locais públicos.

Outras recomendações

– Desconfie se o seu “amor virtual” pedir altas quantias em dinheiro emprestadas, independentemente da história contada.

– Certifique-se de que a história contada é verdadeira.

– Se perceber que foi vítima de golpe, não apague as conversas realizadas com o possível criminoso. Tire cópia de todas as conversas e comprovantes de depósitos ou transferências bancárias realizadas.

– Anote o dia, horário e a cidades em que você estava durante as conversas com o criminoso.

– Relacione todos os números de telefones utilizados pelo suspeito para se comunicar com você. Anote os dados das contas bancárias para as quais enviou dinheiro (nome do titular, CPF, banco, agência e conta). Dirija-se à delegacia de Polícia mais próxima, levando todos esses documentos, e registre um boletim de ocorrência.

– É importante que a vítima entre em contato com o gerente do banco em que mantém conta e verifique se é possível bloquear o valor enviado na conta beneficiária (do estelionatário). Essa medida pode contribuir para identificar o golpista responsável e recuperar o valor perdido.

Comentários

Cotidiano

Invicto, Acre conquista título da 1ª etapa do Circuito Amazônia de Vôlei de Praia Feminino

Publicado

em

Por

Ynara Fernandes e Quemile Souza superam dupla amazonense por 2 sets a 0 nesse domingo, na Ufac, em Rio Branco, e garantam 1º lugar no pódio na abertura da competição regional

O Acre assegurou o topo do pódio na abertura do Circuito Amazônia de Vôlei de Praia Feminino. A dupla acreana formada por Ynara Fernandes e Quemile Souzavenceram a competição de forma invicta na manhã deste domingo (3), na quadra de areia da Universidade Federal do Acre (Ufac), em Rio Branco (AC).

Ynara Fernandes (D) e Quemile Souza (E) são campeãs da 1ª etapa do Circuito Amazônica de Vôlei de Praia Feminino — Foto: Arquivo pessoal/Ramon Aquim

Ynara Fernandes (D) e Quemile Souza (E) são campeãs da 1ª etapa do Circuito Amazônica de Vôlei de Praia Feminino — Foto: Arquivo pessoal/Ramon Aquim

Ynara Fernandes e Quemile Souza superaram a dupla amazonense Aline e Karine por 2 sets a 0 com parciais 21 a 18 e 21 a 19. Antes, as acreanas despacharam a dupla mato-grossense Dani e Kimberly também por 2 sets a 0.

As acreanas foram as primeiras colocadas na primeira fase com quatro vitórias por 2 sets a 0 sobre as representantes do Amazonas, Roraima, Rondônia, e 2 sets a 1 contra o Mato Grosso.

Ynara Fernandes e Quemile Souza vencem dupla do Amazonas em decisão do Circuito Amazônia de Vôlei de Praia Feminino — Foto: Arquivo pessoal/Ramon Aquim

Ynara Fernandes e Quemile Souza vencem dupla do Amazonas em decisão do Circuito Amazônia de Vôlei de Praia Feminino — Foto: Arquivo pessoal/Ramon Aquim

Conforme o cronograma, a segunda etapa do naipe feminino será disputada em Boa Vista (RR), no dia 30 de julho.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

De olho em classificação na Série D, zagueiro do Rio Branco-AC prevê jogo difícil e pede concentração

Publicado

em

Por

Santos destaca foco do time em conseguir somar três pontos diante do Humaitá, neste domingo, para garantir vaga na 2ª fase da competição. Estrelão é vice-líder do grupo 1 com 21 pontos

De olho em classificação na Série D, zagueiro do Rio Branco-AC prevê jogo difícil e pede concentração

O Rio Branco-AC enfrenta o Humaitá neste domingo (3), pela 12ª rodada do grupo 1 do Campeonato Brasileiro da Série D e pode confirmar classificação antecipada à segunda fase em caso de vitória.

O zagueiro Santos destaca que o Estrelão está focado em conseguir assegurar os três pontos no confronto, mas projeta um jogo difícil, apensar do Tourão de Porto Acre não ter mais chances de avançar na Série D.

— A gente entrou essa semana com essa ênfase de conquistar os três pontos e encaminhar nossa classificação (…) A gente tá com a cabeça tranquila, estamos fazendo nossa parte, sabemos que vai ser um jogo difícil porque mesmo eles estando eliminados da competição, sempre é um jogo difícil.

Santos, zagueiro do Rio Branco-AC — Foto: Arquivo pessoal/Manoel Façanha

Santos, zagueiro do Rio Branco-AC — Foto: Arquivo pessoal/Manoel Façanha

É um clássico regional, então sempre temos que entrar firmes e fortes pra poder conquistar os três pontos.

— Santos, zagueiro do Rio Branco-AC

Mesmo que confirme a classificação, o Rio Branco-AC terá mais dois jogos para completar a primeira fase, sendo um deles fora de casa. Sem calendário nacional garantido na próxima temporada após campanha aquém do Campeonato Acreano, o zagueiro Santos diz que uma possível vaga antecipada vai proporcionar certo alívio para o elenco.

— A gente conseguindo nossa classificação no fim de semana, temos dois jogos até pra gente descansar alguns jogadores, dar ênfase em algum partes que a gente precisa melhor, tirarmos esse peso que foi até do primeiro semestre que não conseguimos ser campeões, então pra gente vai ser de grande valia se classificar — disse.

Rio Branco-AC é vice-líder do grupo 1 com 21 pontos. O confronto contra o Humaitá começa a partir das 19h (de Brasília), no estádio Florestão, na capital acreana.

Comentários

Continue lendo

Cotidiano

Brasil vai enfrentar o Japão nas quartas de final da Liga das Nações

Publicado

em

Após início arrasador, japonesas caíram do topo do tabela para o quinto lugar na classificação

O Brasil conheceu na tarde deste domingo o seu primeiro rival na fase final da Liga das Nações, que será disputada a partir do dia 13 de julho, na Turquia. A renovada seleção do técnico José Roberto Guimarães vai enfrentar o Japão nas quartas de final. Após um início arrasador no torneio, as japonesas engataram uma série de quatro derrotas seguidas e caíram do primeiro para o quinto lugar na tabela de classificação.

Brasil fez uma ótima campanha na fase regular da Liga das Nações — Foto: Divulgação/FIVB

Brasil fez uma ótima campanha na fase regular da Liga das Nações — Foto: Divulgação/FIVB

O time brasileiro garantiu a segunda posição após os 12 jogos da fase regular, com 10 vitórias e duas derrotas. No entanto, devido ao novo sistema de disputa da Liga das Nações, a seleção de Zé Roberto avançou para às finais com a terceira colocação. A Turquia tinha classificação assegurada por ser sede da última fase e virou cabeça de chave por ter ficado entre as 8 melhores equipes da etapa regular. Caso ficasse fora do recorte, entraria com a 8ª vaga.

A ida da Turquia ao topo da tabela empurrou as demais seleções para novas posições. Dessa forma, os EUA, que estavam na liderança, avançaram à fase final em segundo, o Brasil passou em terceiro, a Itália em quarto, a China em quinto, o Japão em sexto e Sérvia em sétimo e a Tailândia, que apresentou um jogo consistente desde a etapa inicial e conquistou o cenário do vôlei, entrou em oitavo.

Quartas de final da Liga das Nações

Turquia (1º) x Tailândia (8º)
Estados Unidos (2º) x Sérvia (7º)
Brasil (3º) x Japão (6º)
Itália (4º) x China (5º)

Brasil e Japão na temporada

O Brasil e Japão se enfrentaram duas vezes em 2022, antes da estreia das Liga das Nações. Em jogos amistosos, nos Estados Unidos, o time asiático levou a melhor em quadra. Vale ressaltar, porém, que peças importantes como a ponteira Gabi, por exemplo, ainda não tinham se apresentado ao elenco. A seleção fez uma ótima campanha na fase regular da Liga, vencendo rivais importantes como Turquia e Sérvia. As duas derrotas foram para os Estados Unidos e Itália.

O Japão, por sua vez, surpreendeu ao superar por 3 sets a 0 o time americano e engatar uma sequência de 8 vitórias. Passou as duas primeiras etapas da competição na liderança, de forma absoluta. Mas perdeu os últimos quatro jogos e despencou na tabela.

Comentários

Continue lendo

Em alta