Conecte-se conosco

Acre

Por que o preço dos combustíveis disparou no Brasil?

Publicado

em

Empresário do ramo de importação e exportação, Diego Arruda, comenta a alta dos preços e a relação com acontecimentos no exterior

A alta do preço dos combustíveis tem sido uma pauta de debate constante no dia a dia do brasileiro ultimamente. Em alguns estados do país, a gasolina chegou a atingir R$ 7 por litro. Porém, de acordo com o empresário do ramo de importação e exportação, Diego Arruda, para compreender melhor esse momento, é preciso avaliar a situação global de uma maneira geral. “O Brasil não é o único país que está reclamando do preço dos combustíveis. Também houve manifestações em Portugal, isso não é uma mera coincidência. Precisamos compreender o que determina o preço da gasolina, por exemplo, para avaliar a situação de maneira mais aprofundada”, explica.

A gasolina é uma commodity, por isso, os preços estão atrelados ao mercado internacional. Desde janeiro, o litro vendido às refinarias passou por sucessivas altas, porém, o valor inicial do produto é adicionado de mais três fatores, os custos da adição de etanol e anidro das distribuidoras, os gastos da distribuição e revenda e o imposto, que é o fator de maior peso. “O ICMS, que é o imposto estadual, o Pis/Pasep, a Cofins e a Cide, que são federais, se referem a 44% do preço final”, detalha o especialista.

Além disso, Diego Arruda explica que o cenário sócio econômico global também tem grande influência no aumento ou redução do preço dos combustíveis. “Houve um aumento de demanda do produto no período de reabertura. Cidades começaram a retornar ao dia a dia e a oferta, por enquanto, não está acompanhando a proporção da demanda. Ou seja, se existem várias pessoas buscando um produto que é ‘raro’, o preço sobe”, afirma.

A oferta tem a ver com a organização e as determinações dos países membros da Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep), que concentram cerca de 33% da produção mundial. “Existe muita estratégia por trás, eles podem limitar a produção para valorizar o produto e para evitar a queda de preços, por exemplo. Houve muita mudança por conta da pandemia, mas tenho expectativas que os fatores internacionais retornem à normalidade em breve”, conta Diego Arruda.

Sobre Diego Arruda

Diego Arruda é um especialista em ajudar pessoas a empreender e a descobrir oportunidades de negócios. Através de consultorias e treinamentos, ajuda a revelar nichos de mercado para parceiros e clientes. Seu primeiro grande negócio foi em 2009, quando ele tinha apenas 23 anos. Ele criou uma empresa para atender uma demanda de vendas e terceirização de serviços na área de telecomunicações para grandes operadoras, como a Vivo. Com o passar do tempo, identificou que era possível não só trabalhar com vendas, mas também otimizar recursos e utilizar estratégias alternativas para a captação massiva de clientes no mercado online. Na época, esse negócio gerou o faturamento de R$ 500 milhões.

Já em 2013, iniciou a expansão de segmentos de outsourcing de serviços, como terceirizações, engenharia, segurança de dados,  além projetos de captação de clientes em mídias digitais. Três anos mais tarde, foi a vez de se lançar no mercado de importações.  Ao longo dos anos, atendeu a órgãos públicos, e trabalhou com operações de venda de produtos de mobilidade elétrica, com foco em energia limpa, shoppings e e- commerces.

Com a chegada da pandemia, conseguiu o registro de teste rápido para a Covid19, o que gerou uma grande colaboração para a sociedade e um forte faturamento indo na contramão da crise. Ainda em 2020, somente no segmento de outsourcing público, conseguiu gerar um faturamento de R $20 milhões.

Comentários

Acre

Traficantes são presos com droga, dinheiro e rádios comunicadores na zona rural do Bujari

Publicado

em

Uma ação dos Policiais Militares da Força Tática do 1° Batalhão resultou na prisão de Weverton Carvalho da Silva, de 19 anos e Francisco André Alencar de Lima, de 21 anos,, pelo crime de tráfico de drogas. As prisões ocorreram na noite dessa sexta-feira, 14, no Ramal da Piçarreira, de acesso ao município de Bujari.

A guarnição policial estava fazendo um patrulhamento na região do Ramal da Piçarreira quando avistaram dois homens em atitude suspeita margem do ramal com dois potes preto nas mãos. Ao perceber a aproximação dos Policiais, a dupla tentou se evadir correndo pelo campo.

Os indivíduos foram abordados e submetidos a busca pessoal, e dentro dos postes foram encontrados 20 trouxinhas de cocaína, 5 tabletes de maconha e uma quantia de R$ 150,00 oriundo das vendas dos entorpecentes.

Os criminosos foram interrogados pelos policiais sobre o que faziam ali às margens da chácara e ambos assumiram serem responsáveis pela venda de entorpecentes no ramal e informaram que na casa havia algo de ilícito. Os policiais se deslocaram até ao local e encontraram 2 rádios transmissores para a comunicação entre ambos, além de um pé de maconha (cannabis), dois spray de cor vermelha. Os traficantes informaram ainda que são membros da facção Comando Vermelho (CV).

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão e os dois traficantes foram encaminhados à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Comentários

Continue lendo

Acre

Entregador de lanche perde controle da moto e cai dentro de ribanceira na Capital

Publicado

em

Um grave acidente deixou o motoboy Webster Mateus da Silva Dantas, de 21 anos, ferido na noite deste sábado, 15, na Estrada das Placas, no bairro Placas, em Rio Branco.

Segundo informações de populares que presenciaram o acidente, o motoboy trafegava numa motocicleta modelo Titan 160, de cor, azul, quando ao fazer a curva perdeu o controle da moto e caiu em uma ribanceira às margens do igarapé São Francisco. Com o impacto, Mateus sofreu ferimentos leves e sentiu fortes dores na coluna.

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros foi acionada e ajudou no resgate de Mateus. A ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve no local, os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e encaminharam o motoboy ao Pronto-Socorro de Rio Branco em estado de saúde estável.

Policiais do Batalhão de Trânsito estiveram no local e isolaram a área para os trabalhos de perícia. A moto foi removida por um guincho.

Comentários

Continue lendo

Acre

Sipam pevê domingo (16) de sol e tempo abafado em todo o Acre

Publicado

em

Por

A previsão é de um dia de céu nublado, com sol entre muitas nuvens e com pancadas de chuva e trovoadas.

A Divisão de Meteorologia do Sistema de Proteção da Amazônia informa que este domingo (16) é de sol e tempo abafado em todo o Acre. A previsão é de um dia de céu nublado, com sol entre muitas nuvens e com pancadas de chuva e trovoadas entre a tarde e a noite em todas as regiões acreanas.

Confira as temperaturas em todas as regiões:

 

Alto Acre

 

Em Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri, as temperaturas oscilam entre a mínima de 21°C e a máxima de 31ºC.

Baixo Acre

 

Mínima de 22°C e máxima de 31ºC são as temperaturas registradas em Acrelândia, Bujari, Capixaba, Plácido de Castro, Porto Acre, Senador Guiomard e Rio Branco.

Vale do Juruá

 

Já em Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter e Rodrigues Alves os termômetros ficam entre 21ºC e 30°C.

Vale do Purus

 

Em Manoel Urbano, Santa Rosa do Purus e Sena Madureira faz entre 22º C e 30°C.

Vale do Tarauacá/Envira

 

Por fim, em Feijó, Jordão e Tarauacá a variação de temperatura fica entre a mínima de 22°C e a máxima de 30°C.

Comentários

Continue lendo

Em alta