Prefeitura prepara cidade para festejos de São Sebastião Padroeiro de Epitaciolândia

      Da Assessoria com Almir Andrade: Com as aproximações das festividades do dia 20 de janeiro, dia de São Sebastião, padroeiro do município de Epitaciolândia, onde  centenas de fiéis marcaram presença na cidade, a prefeitura municipal de Epitaciolândia deu inicio nesta quinta-feira, dia...

0

 

 

 

Da Assessoria com Almir Andrade:

Com as aproximações das festividades do dia 20 de janeiro, dia de São Sebastião, padroeiro do município de Epitaciolândia, onde  centenas de fiéis marcaram presença na cidade, a prefeitura municipal de Epitaciolândia deu inicio nesta quinta-feira, dia 12, a operação “Tapa buracos”, que aproveita o período de estiagem das chuvas na região, para iniciar efetivamente a obras, para organizar a cidade para as festividades.

“Nós estamos aqui com a equipe da prefeitura, organizando a cidade para a festa do 20 de janeiro. E é uma reivindicação da população, e muito justa. Os nossos taxistas, moto-taxistas, população de modo geral. E nos estamos ai fazendo um trabalho que é uma obrigação da prefeitura, mais em função do tempo, é que a gente não realizou essa operação tapa buracos,mais com essa estiagem nós determinamos de imediato a equipe da prefeitura que efetuação os serviços, só vamos parar agora quando concluirmos  a operação tapa buracos para receber todos nossos romeiros.” Enfatizou o prefeito Tião Flores, em entrevista exclusiva.

A operação tapa buracos tem inicio com recursos próprios da prefeitura de Epitaciolândia, e em fevereiro Tião Flores vai buscar parceria com governo do estado através do Departamento de Estradas e Rodagens do Acre -(DERACRE) para intensificar a operação tapa buracos por todos os bairros da cidade.

 

Prefeito Tião Flores falou também sobre as conquistas para o município de Epitaciolândia, onde recentemente comprou mais um caminhão coletor de lixo, uma caçamba e visando a compra também de um trator com grade e arado para atendimento da população da zona rural. Onde o primeiro ano foi dedicado a organizar a cidade, e reabrir ramais onde foram feito mais de 400 quilômetros de ramais, facilitando o acesso e a escoação de produção.

Falou ainda sobre as dificuldades encontradas no ano anterior, mais conseguindo superar e realizando os pagamentos em dias para os fornecedores, salários em dias, 13° dos servidores e terceirizados além de fechar o ano adimplente, coisa que não acontecia desde o ano de 2013.

 

 

Comentários

Assuntos desta notícia