O trabalhador rural Raimundo Nonato, morador do projeto de assentamento Joaquim de Matos (Toco Preto), quilômetro 42 de Sena Madureira, foi morto na madrugada desta sexta-feira, 15, pelo próprio irmão, identificado apenas por Rosivaldo. O corpo da vítima deu entrada no hospital de Sena Madureira, onde permanece aguardando a chegada do Instituto Médico Legal (IML).

Segundo informações, o disparo de espingarda atingiu em cheio a região das costelas de Raimundo Nonato, que morreu antes de receber atendimento médico.

As circunstâncias da violência em família ocorrem, segundo informações de testemunhas, em decorrência de um desentendimento ocasionado por causa de bebedeira. Em posse de uma espingarda, Rosivaldo efetuou o tiro certeiro, matando o próprio irmão.

De acordo com a polícia, ainda não há informações sobre o paradeiro do autor do crime. Uma guarnição da Polícia Militar se dirigiu até a localidade após receber o comunicado do hospital de Sena, por volta das 03h40 da manhã. Segundo informações de um familiar, o autor vai se entregar à polícia.

Com informações AC Purus

Comentários