Alexandre Lima, da redação

Uma equipe de pesquisadores da Universidade Federal do Rio de Janeiro e do Acre, estão visitando as cidades de Brasiléia e Epitaciolândia, coletando informações para o projeto Segurança nas Fronteiras.

O Projeto trata-se de um estudo nacional, coordenado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e interesse da Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Os objetivos da pesquisa, são de fazer um diagnostico de situação da segurança pública nos Estados da faixa de fronteira, bem como a criminalidade.

Sua realização vai ao encontro da necessidade tanto dos governos federal e estadual, no sentido de obter em estudo tecnicamente qualificado para subsidiar as futuras ações de segurança pública nestes estados, bem como uma gestão pública mais eficaz.

No Acre, 16 municípios compõem amostra, dentre estes, Cruzeiro do Sul, Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Santa Rosa do Purus. As atividades se iniciaram no dia 19 do mês corrente, com a presença de representante da coordenação nacional Daniel Hirata, coordenação regional no Acre Marisol de Paula Reis Bandt, e dos pesquisadores Luiz Bandeira, Eurenice Lima, Letícia Mamed e João Lima.

 

Comentários