Conecte-se conosco

Flash

Resolução determina que aulas aconteçam mesmo em caso de Covid em sala de aula

Publicado

em



Por Leônidas Badaró

Uma resolução do Conselho Estadual de Educação do Acre que orienta as escolas em relação aos casos de Covid-19 tem provocado debate nas escolas. É que o documento orienta que mesmo em casos de confirmação de casos de Covid-19 as aulas devem ser mantidas.

O documento explica que não haverá suspensão das atividades letivas frente aos casos suspeitos ou confirmados de COVID-19. De acordo com a resolução, as escolas devem cumprir alguns requisitos como a obrigatoriedade do uso de máscaras para permanência e circulação em instituições de ensino públicas e privadas; aferir temperatura de todos na entrada dos estabelecimentos, dispensando àqueles que apresentem sintomas gripais e/ou aumento de temperatura, orientando pais e/ou responsáveis a não permanecerem no ambiente e procurarem atendimento médico.

A resolução também deixa clara a necessidade de intensificar as campanhas de vacinação do esquema vacinal completo contra o vírus SARS-CoV-2, sendo uma dose uma dose de imunizante contra o vírus SARS-CoV-2 para crianças com idade entre cinco e onze anos; duas doses de imunizante contra o vírus SARS-CoV-2 para adolescentes com idade entre doze e dezessete anos e três doses de imunizante contra o vírus SARS-CoV-2 para pessoas com idade superior a dezoito anos.

O documento informa ainda que os casos confirmado de COVID-19 devem ser imediatamente afastado durante 7 dias a partir do primeiro sintoma (e não do teste), com retorno no 8° dia se não apresentar mais sintomas. Caso os sintomas persistam, isolamento até o 10° dia. Alunos, profissionais e/ou professores que comprovadamente apresentem quadro de Síndrome Gripal (SG) – leve a moderado – com confirmação para COVID-19, por quaisquer um dos critérios (clínico, clínico-epidemiológico, clínico-imagem ou clínico-laboratorial) ou que ainda não coletaram amostra biológica para investigação etiológica, as medidas de isolamento e precaução devem iniciar imediatamente e só podem ser suspensas após 10 dias da data de início dos sintomas, desde que permaneçam sem febre e sem o uso de medicamentos antitérmicos há pelo menos 24 horas;.

Apesar da manutenção das aulas mesmo em caso de Covid-19, o documento do Conselho Estadual de Saúde determina a suspensão das atividades comemorativas, recreativas, esportivas, religiosas, festivas, culturais, juninas e/ou similares no interior da escola temporariamente em função do agravamento da situação epidemiológica da COVID-19 no âmbito do Estado do Acre.

Comentários

Flash

Prefeitura envia para Câmara de Vereadores projeto para a criação do Conselho Municipal de Cultura

Publicado

em

Projeto de Lei que visa criar o Conselho Municipal de Cultura de Epitaciolândia foi encaminhado para a Câmara de Vereadores de Epitaciolândia em 16 de agosto de 2022.

A criação do Conselho permitirá a participação popular na definição de políticas públicas voltadas para cultura, bem como permitirá a criação do Fundo Municipal de Cultura, gerido pelo Conselho, permitindo o recebimento de recursos de leis federais baseados nas Leis Paulo Gustavo, Aldir Blanc, Rouanet dentre outras.

“É uma iniciativa louvável do prefeito Sérgio Lopes em enviar para apreciação dos nossos vereadores o projeto que cria o Conselho Municipal de Cultura e o Fundo Municipal de Cultura, com ele aprovado podemos criar comissões e fomentar nossa cultura com mais agilidade, contando com a participação e interação popular.” Destacou o Diretor de Cultura Reggis Silva.

Comentários

Continue lendo

Flash

Turismo religioso tem se consolidado em várias regiões do Acre

Publicado

em

Foto: Fernando Oliveira

No Acre o turismo religioso tem se consolidado como um dos trades mais relevantes, movimentando a economia e criando novos postos de trabalho.

No último sábado, 13, foi realizada em Assis Brasil a tradicional Caminhada Religiosa e Ecológica Raimunda Alma do Bom Sucesso, evento que reúne vários fiéis brasileiros e dos países vizinhos.

A Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo (Seet) esteve presente para apurar dados e trocar informações com a comunidade, que tem investido no evento para receber diversas pessoas que vão ao local exercer a sua devoção.

“A tradicional caminhada atrai diversos fiéis, gerando movimentação da economia local e expandindo a criação de pousadas no Alto Acre, assim como em Cruzeiro do Sul”, disse a chefe da Coordenação de Monitoramento e Planejamento Turístico, Rita Ramos.

A chefe da Divisão de Turismo da Seet, Risoleta Queiroz, afirma que “um dos pontos de destaque é a geração de trabalho devido ao evento, por exemplo, com motociclistas oferecendo serviço de transporte de passageiros e bagagens, o que pode ser aperfeiçoado”.

Comentários

Continue lendo

Flash

Jovens de Epitaciolândia vence fase estadual nos jogos escolares e vão para nacional no Rio de Janeiro

Publicado

em

Alana mayene e Ervillym Miller são consagradas campeãs da fase estadual de atletismo nos Jogos Escolares 2022

Com a colaboraçao de Enagi Peres

As estudantes Alana Mayene e Ervillym Miller, são estudantes da escola Joana Ribeiro Amed do município de Epitaciolândia e sonham em ser atletas profissionais. As atletas foram as vencedoras da fase estadual do jogos escolares na categoria feminino do atletismo de 12 à 14 anos de 600 e 800 metros.

As campeãs regionais conquistaram o pódio na fase estadual dos jogos escolares que aconteceu na capital e agora irão representar o Acre na fase nacional que acontecerá no Rio de Janeiro.

Ambas fazem parte da escolinha de Futsal Revelação, que é um projeto social idealizado pela educadora física Jessyane Maia, professora e treinadora das atletas. Jessyane é formada em educação física, atua de forma voluntária para a conquista do sonho das garotas.

A professora revela que viu em suas alunas o potencial que elas tinham quando se tratava do atletismo.
” Tenho um projeto do qual realizo com muito amor e dedicação, que tem o objetivo de incentivar o esporte feminino, e, quando se trata de talentos no esporte não é difícil reconhecer quem tem, essas alunas sempre se destacaram na parte física e quando eu envolvia o atletismo nas aulas passei a enxergar o potencial delas, estive ao lado delas nessa caminhada, e aos poucos fomos chegando no nosso objetivo, foram dias de muito esforço e dedicação para hoje ver elas no pódio. Estou muito realizada com a conquista dessas meninas e o sentimento é de dever cumprido”. Concluí a professora.

Para a Campeã Alana, essa vitória é fruto de muito esforço e dedicação “Me esforcei muito para conseguir essa vitória e sem dúvidas ela só foi possível graças a minha professora, que acreditou em mim e sempre me incentivou, estou muito feliz em ser vitoriosa”. afirmou.

A campeã Ervillym esse é o começo do sonho de ser atleta profissional “Quero vencer a etapa nacional e começar minha história no atletismo”.

As duas atletas seguem firmes treinando para representar o estado na fase nacional dos jogos escolares que está acontecerá no Rio de Janeiro.

Comentários

Continue lendo

Em alta