Alexandre Lima, com Marcus José e Marquinho Filho

O time da capital, Rio Branco FC, esteve na fronteira do Acre na tarde deste domingo, dia 24, para enfrentar o Alto Acre FC no estádio Antônio Araújo Lopes, para disputar um dos jogos da segunda fase do futebol acreano na cidade de Epitaciolândia.

O Alto Acre precisava de uma vitória para sonhar e se manter vivo na disputa de uma das vagas na final contra o Rio Branco, que já se garantiu vencendo o primeiro turno do campeonato.

Com mais preparo físico, o plantel da capital abriu o placar aos cinco minutos do primeiro tempo, seguido do segundo 10 minutos depois. O Alto Acre teve uma reação cinco minutos depois próximo ao término dos 45 minutos.

O Papagaio da Fronteira sofreu uma grande baixa no final do primeiro tempo, quando teve um dos seus jogadores expulso após uma entrada forte contra o atacante do Alto Acre, fato esse que abalou o plantel da fronteira.

Para abalar ainda mais o representante da regional, o Rio Branco marcou o terceiro gol com 16 segundos após o pontapé inicial do segundo tempo. A partir daí, foram mais quatro, registrando a maior goleada do campeonato acreano até o momento.

Com um placar de copa do mundo, o Rio Branco registrou um placar de 7×1 e se firmou até o momento, em segundo lugar no acreano. O Alto Acre perde a chance de brigar pela segunda vaga, e ainda irá enfrentar Vasco em casa no próximo final de semana às 16h (do Acre), no domingo (1º), e se manter na elite do futebol acreano.

A goleada do Rio Branco, a maior do estadual até o momento, foi marcada com gols de Denis, Neném, Testinha, Emerson Martins, Erick, Valério Germano e Cácio. O atacante Igor fez o gol de honra pelo Alto Acre fechando a rodada na lanterna, assim como começou, com apenas um ponto.

Veja imagens dos melhores momentos e vídeos reportagens.

Comentários