Conecte-se conosco

Acre

Sai a lista de projetos aprovados pelo Programa de Pesquisa do SUS

Publicado

em

Governador Tião Viana reunido com representantes das áreas de saúde e pesquisa para falar sobre projetos para o SUS (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Governador Tião Viana reunido com representantes das áreas de saúde e pesquisa para falar sobre projetos para o SUS (Foto: Sérgio Vale/Secom)

O resultado final do Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde: gestão compartilhada em saúde (PPSUS) foi divulgado nesta terça-feira, 30. Treze projetos acreanos foram selecionados. O programa incentiva financeiramente atividades da área de saúde com temas que são prioritários para o Estado.

“A ideia é melhorar o sistema de saúde, e para isso a pesquisa é fundamental. Os projetos vão contribuir com as políticas públicas e ajudarão a melhorar o sistema único de saúde”, disse o professor Pascoal Muniz, da Fundação de Amparo à Pesquisa do Acre (Fapac).

O programa disponibiliza R$ 800 mil para os projetos selecionados, e as pesquisas serão acompanhadas pela Universidade Federal do Acre (Ufac), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (Ifac), Fameta e Uninorte. O vice-reitor da Ufac, Josemar Batista Ferreira, ressaltou a importância do fomento à pesquisa como um dos tripés da universidade e fortalecimento das universidades com retorno para a sociedade.

As linhas de pesquisa abrangem doenças infecciosas, agravos não transmissíveis, carenciais e de causas externas, saúde da mulher, saúde mental, gestão de trabalho e educação na saúde, assistência farmacêutica, saúde das populações tradicionais da Amazônia e populações em situação de vulnerabilidade social.

“O governo tem muito orgulho desse trabalho. É um grande avanço ver esses projetos sendo aprovados”, disse o governador Tião Viana. No Acre, o programa é efetivado pelo governo do Estado através da parceria entre a Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapac), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Ministério da Saude e Secretaria de Estado de Saúde.

A lista dos projetos selecionados pelo Programa Pesquisa do Sistema Único de Saúde (PPSUS) foi publicada nesta terça-feira no Diário Oficial e está disponível no site da Fapac (www.fapac.ac.gov.br).

Projeto aprovado quer prevenir doenças renais e cardiovasculares

Uma das pesquisas aprovados para desenvolvimento é o projeto de Tatiana Lameira, que vai pesquisar doenças renais crônicas e alterações cardiovasculares. A ideia, segundo a pesquisadora, é identificar e prevenir essas doenças antes que elas apareçam ou impedir a evolução de estágios. Isso será possível, explica, por meio da visita aos domicílios que serão escolhidos aleatoriamente para apresentar uma amostra que represente Rio Branco.

As pessoas serão entrevistadas e farão exames de sangue e urina. “Através dos exames laboratoriais é possível identificar doenças renais crônicas e doenças cardiovasculares, porque elas têm estágios que são sintomáticos, por exemplo. Também poderemos identificar um paciente com doença renal em estágio 3 e impedir que chegue ao estágio 5 com tratamento e acompanhamento”, explicou a pesquisadora. A proposta é encaminhar pacientes identificados para a rede de atendimento.

Sobre o PPSUS

O programa é uma iniciativa de descentralização do fomento à pesquisa em saúde que prioriza a gestão compartilhada de ações, por meio da parceria entre instâncias estaduais de saúde, ciência e tecnologia. O principal objetivo do programa é financiar pesquisas em temas prioritários na área de saúde pública.

Comentários

Acre

Prefeitura recupera ramal do Km 12 e inicia serviços no Km 14

Publicado

em

O prefeito Sérgio Lopes, acompanhado do Vereador Nego, que também responde pelo Departamento de Obras e Serviços de recuperação ramais, estiveram visitando os serviços de recuperação do Ramal do Km 12 nesta terça-feira dia 18.

A prefeitura está aproveitando os dias de sol para avançar na reabertura eempiçarramento a fim de garantir tráfego durante o período das chuvas.

Segundo Informou o diretor de Campo Vereador Nego, os serviços estão bemavançados e já nesta quarta inicia a recuperação do ramal e da ponte do Km 14.

O Prefeito Sérgio Lopes ao visitar os serviços aproveitou para conversar com osprodutores rurais daquela localidade que estão muito satisfeitos com a ação porparte da prefeitura.

“Sinto-me lisonjeado em receber por parte dos produtores elogios pelo trabalhofeito, más esses serviços só é possível por termos uma equipe aguerrida quetrabalha dia e noite e até aos domingos se preciso for, para realizar os serviçosnecessários e assim garantir o trafego aos nossos produtores.” Destacou oPrefeito Sérgio Lopes.

Fotos Wesley Cardoso:

Comentários

Continue lendo

Acre

Estado garante retorno de exames de raio-X para Porto Walter

Publicado

em

Uma das regiões de mais difícil acesso do Acre, Porto Walter é prova do compromisso da gestão de Gladson Cameli com a saúde da população. No início desta semana, seus quase 13 mil moradores foram diretamente beneficiados com o retorno de exames feitos com o único aparelho de raio-X do município.

Investimentos da gestão de Cameli mostram os significativos avanços dos serviços de saúde oferecidos aos acreanos. Foto: Marcos Vicentti/Secom

Para os portowaltenses, que ficam distantes 70 quilômetros de Cruzeiro do Sul, cidade onde se concentra a maioria dos serviços de saúde do Vale do Juruá, o benefício tem valor imensurável, pois minimiza as dificuldades impostas pelo isolamento.

Porto Walter volta a contar com os benefícios de moderno aparelho de raio-X, que passou por manutenção realizada pela Sesacre. Foto: cedida

“A saúde tem sido um dos grandes desafios do nosso governo, mas com muita dedicação e empenho estamos mudando esse quadro. A população do Juruá merece o melhor e esse é o foco do nosso trabalho”, declarou o governador Cameli.

Com serviços de manutenção avaliados em mais de R$ 31 mil, o dispositivo de última geração estará disponível 24 horas aos pacientes, para a emissão de imagens digitais, garantindo mais precisão no diagnóstico e auxílio no tratamento de doenças.

Catiana Rodrigues, coordenadora regional da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), salienta que as barreiras do isolamento são quebradas com ações de governo que permitem à população usufruir dias melhores. A coordenadora também destaca os esforços da titular da pasta, Paula Mariano, para promover saúde aos povos mais isolados do estado.

Gestora estadual de Saúde tem garantido assistência às regiões mais isoladas do estado. Marcos Vicentti/Secom

“Paula Mariano tem sido incansável para atender todas as demandas solicitadas pelos gerentes das unidades hospitalares do Estado. Em nossos planejamentos, traçamos caminhos para que a melhoria dos serviços chegue à população, como aconteceu com a unidade mista de Porto Walter, que volta a contar com moderno dispositivo para atender aos pacientes”, pontuou.

A unidade realizou, em 2021, mais de quatro mil atendimentos de urgência e emergência, ambulatoriais, de  radiologia, testagem para covid-19, de assistência psicológica, social e outros.

Fotografia feita pelo aparelho de raio-X de Porto Walter. Somente em 2021, foram realizados mais de quatro mil atendimentos médicos na unidade mista do município. Foto: cedida

Comentários

Continue lendo

Acre

Polícia Civil investiga contas falsas em redes sociais para atacar honra de prefeito de Assis Brasil

Publicado

em

Prefeito Jerry Coreia e o vice Reginaldo Martins no dia da posse – Foto: arquivo/secom

A Procuradoria Jurídica do município de Assis Brasil ingressou com pedido de investigação contra contas falsas no Facebook e Instagram criadas para atacar a gestão e honra do prefeito e vice-prefeito de Assis Brasil. Os perfis investigados são contas falsas denominadas Zé de Assis, The Focus e Tríplice.fronteira_emtemporeal.

Segundo o Código Penal os criminosos uma vez identificados podem pegar até um ano de reclusão. A Constituição Federal defende a liberdade de expressão, mas veda o anonimato.

Segundo o Procurador Jurídico do município, Giordano Simplício, hoje em dia esse tipo de crime tornou-se fácil de identificar seus autores, por conta dos avanços tecnológicos e o treinamento especializado dos agentes.

“É bom lembrar que comete crime tanto quem cria perfis falsos como quem compartilha esse tipo de ilícito. Já existe no Acre uma Delegacia especializada em crimes cibernéticos”, disse o procurador.

Comentários

Continue lendo

Em alta