A embarcação carregada com cinco milhões de litros, que deverá chegar daqui a 15 dias, deverá atracar na cidade de Porto Acre.

Da Redação, com Agência Contilnet

O combustível estocado na reserva da Petrobras de Cruzeiro do Sul deverá atender os consumidores acreanos por cerca de 20 dias.

A afirmação é do presidente do Sindicato da Revenda de Combustível no Acre (Sindepac), José Magid, 43 anos, que informou à Agência ContilNet na tarde desta quinta-feira (6) que uma balsa carregada com cinco milhões de litros de combustíveis já está a caminho do Acre.

Magid garante que, por enquanto, não há motivo para pânico no que se refere ao abastecimento de combustível. “Não posso falar sobre a situação de outros setores, mas no que se refere a combustível ainda não há motivo para pânico”, informa.

A embarcação carregada com cinco milhões de litros, que deverá chegar daqui a 15 dias, deverá atracar na cidade de Porto Acre, já que as condições do rio na região são bem melhores que as do Rio Acre. “Se houver algum problema, a balsa pode descarregar em Boca do Acre”, disse o empresário.

Ao falar sobre a falta de combustível em alguns postos de Rio Branco, José Magide disse que o problema está no carregamento que vem sendo feito em uma base da Petrobras em Cruzeiro do Sul, de onde o produto vem sendo transportado.

“A estrutura que existe hoje em Cruzeiro não foi feita para atender uma grande demanda, e isso faz com que os caminhões demorem mais tempo para serem carregados”, explica.

O empresário disse, no entanto, que se a cheia do rio Madeira continuar por mais sessenta dias o Acre poderá enfrentar problemas de desabastecimento de combustível e de outros produtos.

Comentários