O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) conseguiu a condenação do réu Jordeilson Xavier da Costa, em júri realizado no município de Rodrigues Alves.

O réu foi condenado por ter matado o tio, Francisco Xavier dos Santos, na comunidade Torre da Lua, com dois tiros de espingarda, no dia 31 de maio de 2017.

O júri reconheceu o homicídio qualificado previsto no artigo 121, parágrafo 2, incisos II e IV, do Código Penal. O autor foi condenado a uma pena de 13 anos e 4 meses de reclusão.

Segundo o promotor de Justiça Antonio Alceste “a Justiça foi realizada, sobretudo porque o crime teve severas consequências por ter deixado uma viúva com sete filhos menores de idade desamparados”.

Comentários