Jardean estva desaparecido a cinco dias. Exames de DNa poderá identificar se corpo encontrado pode ser, ou não, do adolescente. - Foto/Arquivo
Jardean esteva desaparecido a cinco dias. Exames de DNA identificaram que o corpo encontrado era do adolescente. – Foto/Arquivo

Menor foi morto com um golpe de arma branca (faca) no abdômen.

Alexandre Lima, da redação

O corpo encontrado em estado de decomposição na tarde do último sábado (19), no município de Xapuri, era do menor, Jardean da Costa Oliveira, de 14 anos, considerado desaparecido desde a última terça-feira (15). A informação foi confirmada na manhã desta segunda-feira (21), pela assessoria de Polícia Civil.

Corpo foi encontrado no mesmo bairro onde o jovem morava.
Corpo foi encontrado no mesmo bairro onde o jovem morava.

O cadáver, de acordo com o delegado, foi encontrado sendo consumido por urubus em um matagal do bairro Constantino de Melo Sarkis, há cerca de 200 metros da casa onde o adolescente morava com a irmã, no bairro Armando Nogueira, conhecido com “Cidade de Deus”. Jardean, apesar da pouca idade, já tinha passagem pela polícia pelo crime de furto e estaria se envolvendo com tráfico de drogas.

O cadáver foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), onde foram realizados exames que contataram na região toráxica, uma perfuração feira por arma branca.

Após a necrópsia o corpo foi liberado  a família no domingo (20).

O caso está sendo investigado pelo delegado titular de Xapuri, Cristiano Bastos com o apoio do investigador, Eurico Feitosa. Diligencias já estão sendo realizadas para elucidar o crime.

Matéria relacionada:

Corpo é encontrado em decomposição em Xapuri; pode ser de jovem desaparecido a 5 dias

Comentários