Chegada dos policiais após troca de tiros contra o suspeito que foi alvejado na cabeça.
Chegada dos policiais após troca de tiros contra o suspeito que foi alvejado na cabeça.

Alexandre e Almir Andrade

Durante todo o dia desta segunda-feira (22), o serviço de inteligência da Polícia Civil e Militar da fronteira, estiveram em alerta total para evitar e prender, um grupo de assaltantes que tentariam praticar um assalto a um empresário, ou, em seu estabelecimento.

O cerco foi fechando no período da tarde com homens espalhados pela cidade de Brasiléia e Epitaciolândia, uma vez que não se tinha a confirmação de onde, e que horas poderia acontecer, sendo que tem agências lotéricas e bancarias nas duas cidades, tinha bastante clientes devido o dia da semana e temiam o pior.

Com informações precisas, o policiais conseguiram chegar primeiro ao primeiro suspeito, Jard Ramos dos Santo (25), vulgo “Babinha”, que estava sendo procurado pela justiça acreana, por receber a condicional e não mais dar notícias. Este tem acusações de furto, furto de veículos, receptação e tráfico de droga, o que lhe rendeu uma condenação de quase 15 anos de prisão.

Com mais informações, os policiais se deslocaram para o bairro 28 de Maio, por terra e água, lá teriam trocado tiros com Luciano, vulgo “Lucas Boquinha”, que estava de posse de uma revolver calibre 32 que foi apreendida. No tiroteio, foi alvejado na cabeça e caiu. Um terceiro conseguiu pular nas águas barrentas do Rio Acre e fugir para o lado boliviano.

bandido 01
Momento em que policiais e terceiros ajudam a subir barranco para levar o acusado ao hospital após troca d etiro.

bandido 02

Junto com Luciano, estaria Edigilson Lopes Cavalcante (24), conhecido pelo apelido de ‘Pacú’, que foi preso em julho de 2014, pelo envolvimento no assassinato de Maicon da Silva Batista com um golpe de faca. Este foi levado para a delegacia, onde será interrogado para saber se tem algum envolvimento ou não no caso de hoje.

Luciano foi levado para o hospital de Brasiléia, onde foi atendido e ficou em observação e na guarda de policiais militares. Até o momento, não corria risco de morte e seria transferido para a Capital, onde irá passar por cirurgia.

, Jard Ramos dos Santos, vulgo “Babinha”, que estava sendo procurado pela justiça acreana, está sendo acusado de envolvimento na tentativa de assalto - Foto: Alexandre Lima
Jard Ramos dos Santos, vulgo “Babinha”, que estava sendo procurado pela justiça acreana, está sendo acusado de envolvimento na tentativa do assalto – Foto: Alexandre Lima

Foi levantado que Luciano seria o principal fornecedor de armas para que bandidos realizassem assaltos e assassinatos na fronteira. Entre eles, estaria o caso da morte de Gilson Vieira de Souza Oliveira, conhecido por “Gilsinho” e seu cachorro, além de do assalto na casa de um pastor no dia 25 de janeiro passado, onde tentaram levar uma caminhonete.

Veja vídeo reportagem com Almir Andrade.

Matérias relacionadas:

Esbarrão em forró termina em homicídio na madrugada de Brasiléia

Briga em bar termina em assassinato por arma de fogo em Brasiléia

PM e Civil frustram assalto na madrugada e prende quatro envolvidos que tentaram levar caminhonete

 

Edigilson, conhecido pelo apelido de ‘Pacú, foi detido para averiguação, já tem tem passagem por assassinato em 2014.
Edigilson, conhecido pelo apelido de ‘Pacú, foi detido para averiguação. Já tem tem passagem por assassinato em 2014.

 

Arma usada contra os policiais foi apreendida e entregue na delegacia - Foto: Alexandre Lima
Arma usada contra os policiais foi apreendida e entregue na delegacia – Foto: Alexandre Lima

 

Comentários