Conecte-se conosco

Extra

Vacina brasileira: 1ª dose será aplicada nesta semana em Salvador

Publicado

em

Aplicação faz parte do estudo clínico de fase 1 do imunizante RNA MCTI Cimatec HDT, produzido por brasileiros e americanos

Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde) e Marcos Pontes (Ciência, Tecnologia e Inovações)
PLÍNIO AGUIAR / R7 / 09.01.2022

Do R7

O estudo clínico de fase 1 da vacina nacional contra a Covid-19 começará nesta semana, com a aplicação da primeira dose nesta quinta-feira (13) em Salvador (BA). O imunizante RNA MCTI CIMATEC HDT é baseado em uma tecnologia de RNA replicon autoamplificante, capaz de codificar a proteína spike do coronavírus causador da Covid-19.

A aplicação da primeira dose do imunizante faz parte do estudo clínico de fase 1 e será realizada na capital baiana, na sede do Senai-Cimatec (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Campus Integrado de Manufatura e Tecnologia), que conduz a pesquisa, desenvolvida em parceria com a HDT Bio Corp, RedeVírus MCTI e tem financiamento do MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações).

Nessa etapa, serão avaliadas a segurança, reatogenicidade e imunogenicidade da vacina contra o coronavírus. Segundo o governo, o imunizante possui nível tecnológico comparado aos imunizantes já utilizados no mundo, como as vacinas da Moderna e da Pfizer.

O evento contará com a presença do ministro Marcos Pontes (Ciência, Tecnologia e Inovações). “Dia 13 de janeiro vamos começar a aplicação dos testes clínicos com a vacina que o MCTI desenvolveu em parceria com o Cimatec. Essa é uma vacina feita por cientistas brasileiros em parceria com cientistas americanos, então é uma vacina muito importante para o desenvolvimento desse tipo de tecnologia, não só para a pandemia de Covid-19, mas também para outras pandemias. É importante o Brasil dominar essas tecnologias”, afirmou Pontes ao R7.

Do início dos estudos com seres humanos podem participar pessoas com as seguintes características: ter entre 18 e 55 anos e não ter sido imunizado com a vacina da Covid-19 ou ter sido imunizado com até duas doses.

As fases 1 e 2 deverão contar com 360 pacientes cada uma, ao custo de R$ 30 milhões. Após a comprovação de eficácia e segurança, a fase 3 deverá contar com cerca de 20 mil pessoas – esta, por sua vez, ao custo de R$ 300 milhões.

O ministério comandado por Pontes investe, desde 2020, no desenvolvimento de 15 vacinas nacionais para o enfrentamento da pandemia no país e no mundo. Em 2021, a pasta destinou R$ 105 milhões ao financiamento de testes clínicos de fases 1 e 2 dos imunizantes brasileiros. Quatro imunizantes foram selecionados nessa etapa: além do RNA MCTI Cimatec HDT, as vacinas SpiNTec MCTI UFMG, Versamune MCTI e UFRJVac MCTI.

A declaração sobre a aplicação da primeira dose da vacina nacional foi dada por Pontes durante evento realizado no Planetário de Brasília neste domingo (9), data em que se comemora o Dia do Astronauta. O ministro é o único brasileiro a ir ao espaço e o primeiro astronauta e cosmonauta profissional a representar oficialmente um país do Hemisfério Sul no espaço.

AstraZeneca x Fiocruz

O imunizante citado por Pontes não é o mesmo aprovado pela Anvisa nesta semana, que concluiu o processo para que o país comece a distribuição da vacina AstraZeneca produzida 100% em território nacional. A novidade, nesse caso, é a aprovação do IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) fabricado no Brasil pela própria Fiocruz.

Com a conclusão do processo, toda a produção da AstraZeneca será feita no país e não dependerá mais da importação do IFA internacional. A transferência de tecnologia começou a ser negociada em 2020 e foi formalizada em junho de 2021.

Pontes avalia a conclusão do processo da Anvisa para viabilizar a produção do imunizante no país como positiva. “É um ganho gigantesco para o Brasil”, disse.

Vacinação infantil

O ministro Marcelo Queiroga (Saúde) também participou do evento. Questionado sobre o início da vacinação infantil, informou que as doses serão distribuídas aos estados e municípios a partir do dia 13 de janeiro “para que a vacinação possa ser feita atendendo aos desejos dos pais”.

Queiroga declarou, ainda, que o ministério vai anunciar, nesta segunda-feira (10), a posição sobre a possível redução do prazo de quarentena de casos positivos assintomáticos de Covid-19.

“Amanhã teremos uma posição. Amanhã nós vamos anunciar qual será a posição do ministério sobre esse tema”, afirmou Queiroga. O ministro disse que a pasta ainda estuda a colocação de servidores assintomáticos no atendimento direto aos pacientes com Covid-19. “Vamos verificar como é o encaminhamento da pandemia”, complementou.

A reportagem perguntou ao ministro sobre as críticas feitas pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) à Anvisa em relação ao processo de imunização infantil, mas Queiroga não respondeu.

Comentários

Extra

Polícia procura acusado: Homem é esfaqueado em praça da cidade de Epitaciolândia

Publicado

em

Um homem identificado inicialmente apenas por José, morador da cidade de Epitaciolândia, deu entrada no hospital Regional Raimundo Chaar por volta das 22h30 desta quinta-feira, dia 13, com vário ferimentos de arma branca (faca).

Segundo foi apurado até o momento, José teria se envolvido em uma discussão na praça localizada em frente a delegacia da Polícia Federal com um monitorado por tornozeleira, que estava armado com uma faca na cintura.

Foi quando teria acontecido uma agressão física entre ambos e o acusado partiu pra cima de José, desferindo vários golpes o atingindo pelo menos por cinco vezes, para em seguida fugir tomando rumo ignorado.

A vítima foi levada para o hospital por um carro particular, onde ao chegar no PS, recebeu atendimentos médico e ficou em observação.  Foi avisado pela direção do hospital, que José será transferido para a Capital devido os ferimentos causados pela faca.

Em contato com o comando do 5º Batalhão da Polícia Militar em Brasiléia, foi apurado que o acusado é monitorado por tornozeleira, que recentemente foi preso por ter cortado outro equipamento, sendo liberado em seguida após ganhar outro.

O caso está sendo acompanhando pela autoridades policiais e esperam prender o acusado nas próximas horas.

Mais informações a qualquer momento.

 

Comentários

Continue lendo

Extra

Polícia Civil prende médico sem registro que atuava como cirurgião plástico em Rio Branco

Publicado

em

CRM-AC encaminhou denúncia ao Ministério Público sobre falso médico em Rio Branco e vinha sendo investigado

Fonte: CRMAC

O Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) encaminhou uma denúncia ao Ministério Público do Estado, nesta quinta-feira (9) contra Mizael Ribeiro Saboia por exercer a medicina de maneira ilegal na cidade de Rio Branco. O ofício foi entregue à titular da 2ª Promotoria Criminal, promotora Joana D ́Arc Dias Martins.

Segundo o que foi levantado, Saboia é formado em medicina em faculdade do exterior e não tem revalidação de diploma, ou seja, não tem registro no Conselho de Classe e, portanto, não pode exercer a profissão.

A atuação do falso médico já tinha sido denunciada pelo CRM-AC à polícia, que vinha investigando.

A denúncia chegou ao Conselho por meio de uma paciente que teve lesões provocadas pelos atos cirúrgicos inapropriados praticados pelo falso médico. A vítima foi submetida a exame de corpo de delito que constatou as lesões. O caso foi encaminhado pelo CRM-AC à Delegacia de Polícia Civil da 1ª Regional, ainda no dia 30 de abril de 2020. No entanto, até a presente data não há qualquer informação de providências.

O CRM destaca que o falso médico já respondeu processo na 2ª Vara Criminal de Rio Branco após denúncia de exercício ilegal da medicina no ano de 2016. Desde aquela época, ele já se apresentava como cirurgião plástico e teria provocado lesões corporais de natureza gravíssima em pacientes. Porém, o acusado foi beneficiado pela suspensão condicional do processo em maio de 2019, estando ainda em cumprimento das medidas estabelecidas.

Diante do risco à saúde pública, bem como dos atos reiterados do falso médico, o Conselho Regional de Medicina encaminhou o ofício ao MP-AC para que sejam tomadas as providências cabíveis.

O homem foi levado para a Delegacia de Flagrantes, na Cidade do Povo.

Comentários

Continue lendo

Extra

PREFEITURA MUNICIPAL DE EPITACIOLÂNDIA – AVISO DE REABERTUR DE LICITAÇÃO

Publicado

em

ESTADO DO ACRE

PREFEITURA MUNICIPAL DE EPITACIOLÂNDIA

COMISSÃO MUNICIPAL PERMANENTE DE LICITAÇÃO

AVISO DE ABERTURA DE LICITAÇÃO

PREGÃO PRESENCIAL SRP N.º 043/2021.

DATA PARA RETIRADA DO EDITAL: 14/01/2022 à 26/01/2022.

TIPO DE LICITAÇÃO: Menor preço por Item

DATA DA ABERTURA: 27 de janeiro de 2022.

HORARIO: 10h00min (dez horas).

LOCAL: Rua Capitão Pedro de Vasconcelos n° 257 – Sede da Prefeitura Municipal de Epitaciolândia.

OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS PARA FUTURA E EVENTUAL CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURIDICA ESPECIALIZADA EM FORNECIMENTO DE TUBOS, BUEIROS, MEIO FIO, PEDRA DIRECIONAL E TIJOLOS MACIÇO, VISANDO ATENDER A DEMANDA DA PREFEITURA DE EPITACIOLÂNDIA/AC.

As pastas contendo condições e especificações relativas ao presente Edital, encontram-se à disposição dos interessados para consulta na Comissão Municipal Permanente de Licitação – CMPL, Portal de Licitação do Tribunal de Contas do Estado do Acre, site do município ou através do e-mail: [email protected]

A Prefeitura Municipal de Epitaciolândia reserva-se ao direito de a todo e qualquer tempo, desistir, revogar adiar ou mesmo anular total ou parcialmente esta Licitação, sem que isto represente direito dos interessados a qualquer pedido de indenização, reembolso ou compensação dos valores.

Epitaciolândia/AC, 14 de janeiro de 2022.

 

Agleison Rodrigues dos Santos

Pregoeiro Oficial

Decreto n° 076/2021

Comentários

Continue lendo

Em alta