Conecte-se conosco

Extra

veja o que abre e fecha no feriado

Publicado

em

aberto e fechadoNa próxima semana, os feriados do Dia da Amazônia (5) e da Independência da República (7) vão modificar o horário de funcionamento das repartições públicas e o expediente bancário. Contudo, na terça-feira, 6, as instituições irão funcionar normalmente.

Nos dias 5 e 7, a Central de Serviço Público (OCA) de Rio Branco e Xapuri, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), assim como as demais repartições públicas, terão o atendimento interrompido.

As instituições financeiras também terão seu expediente suspenso nos referidos feriados. Mas vale ressaltar que a partir do dia 6 os bancários entram em greve. Os terminais de autoatendimento (caixas eletrônicos) continuam funcionando.

As unidades de saúde de urgência e emergência, como Upas e Pronto-Socorro, e o Centro Integrado de Operação de Segurança Pública (Ciosp) seguem funcionando normalmente.

Comentários

Extra

Prefeitura de Brasiléia Inaugura Ornamentação Natalina com Louvor e Show da Banda da PM

Publicado

em

A Prefeitura de Brasiléia realizou neste sábado (4), inauguração da iluminação e ornamentação natalina.

Com a presença da Prefeita Fernanda Hassem, do Vice-prefeito Carlinhos do Pelado, Presidente da Câmara Arlete Amaral e Vereadores Jorge da Laura, Marquinhos Tibúrcio, Elenilson Cruz, Jurandir Queiróz e Rogério Pontes, secretários municipais e apresentação dos alunos da Escola Rui Lino, as luzes de Natal foram acesas no município.

O Padre Robson, da paróquia Nossa Senhora das Dores abençoou a cidade ao som de louvores cantados pelo Ministério de Louvor, em seguida a Banda de música da Polícia Militar ” A Furiosa” proporcionou um verdadeiro espetáculo aos presentes, entre imprensa local, representantes do Governo, crianças, jovens e idosos.

A Presidente da Câmara de Brasiléia, vereadora Arlete Amaral esteve na Hugo Poli e fala da atividade. ” Hoje estamos aqui inaugurando as luzes de Natal, que vai dar beleza à nossa cidade, está tudo lindo, parabéns a prefeita Fernanda Hassem”, afirmou.

O Major da Polícia Militar, Djair Vasconcelos, que também é regente da Banda de música ” A Furiosa” destacou a participação. ” Agradecemos o convite da prefeita Fernanda Hassem e mais uma vez estamos em Brasiéia participando de uma festa tão linda, ficamos muito felizes em participar desse momento”, disse o Major.

A Prefeita Fernanda Hassem agradeceu a parceria recebida.

“A equipe da prefeitura preparou a ornamentação de Natal com muito carinho e dedicação. O mundo inteiro prepara suas cidades para o turismo, para receber as pessoas, e Brasiléia não é diferente. Desde que iniciamos a nossa gestão, fazemos essa programação na praça. Preparamos dois momentos: esse que é o acender as luzes dos nossos espaços públicos. E o outro momento é no dia 22 de dezembro, com entrega de cestas e presentes para as nossas crianças. Quero agradecer, a toda a nossa equipe da prefeitura de Brasiléia, pela dedicação, os empresários que fizeram doações, e ao o Governo do Estado”, destacou Fernanda Hassem.

Comentários

Continue lendo

Extra

Copa Indígena e Torneio Rural agitam final de semana em Assis Brasil

Publicado

em

A final da I Copa Indígena de Futebol de Campo aconteceu neste sábado, dia 04, no Estádio Municipal José Dantas. Na ocasião também foi realizado um torneio rural com representantes de todas as regionais da zona rural do município.

O evento foi iniciado pela manhã e contou com a presença do prefeito Jerry Correia, do vice-prefeito Reginaldo Martins, dos vereadores Wendell Marques, Juraci Pacheco, Adelson Cunha, Eduardo Marques e Wemerson Martins. Também prestigiou a atividade o deputado Federal Léo de Brito.

“Nos sentimos valorizados com isso que tá acontecendo. O prefeito já realizou atividades esportivas neste ano lá em nossa comunidade, mas agora estamos aqui sendo tratados como verdadeiros atletas. Isso tudo tinha acabado e agora o prefeito e sua equipe estão resgatando”, comentou o jogar Francisco Rodrigues, do time Fazenda do Seringal Icuriã.

O evento durou o dia todo e movimentou a cidade. Muitos vieram das comunidades rurais e indígenas, além dos moradores da cidade.

No final, o time que consagrou-se campeão indígena 2021 foi o time Extrema da Terra Indígena Mamoadate, cabeceiras do Rio Iaco. Já o vencedor do torneio rural foi time da Fazenda, do Seringal Icuriã.

“Nossa alegria é ver o povo feliz de novo. Há muitos anos isso não acontecia aqui em Assis Brasil. Ser abraçado e receber essa energia dos moradores da cidade, da zona rural e das aldeias é um combustível para continuar trabalhando todo dia”, disse o prefeito.

Comentários

Continue lendo

Extra

Roberto Vaz canta e se emociona ao visitar Durvalina, fã de 100 anos do programa Sábado Show

Publicado

em

Houve um tempo em Rio Branco, no Acre, em que as pessoas colocavam a melhor roupa e faziam questão de avisar para os amigos e vizinhos que estavam indo assistir ao show de Roberto Vaz, um gordinho que animava as noites de sábados com um talk show pra lá de animado. Lá, as pessoas se divertiam, ajudavam os mais necessitados e sempre ganhavam alguma coisa, nem que fosse um abraço, uma fotografia ou uma dança com o apresentador.

Eram noites alegres, onde era comum o encontro entre amigos para assistir aoSábado Show pela TV (canal 5/Tv5). Era um programa com 2 horas de duração, onde desfilavam talentos da música acreana, casos comoventes de pessoas que buscavam por ajuda (devido a inércia do poder público) e o famoso show de calouros. “Eram tempos bons e que não volta mais”, diz Roberto Vaz.

Os jovens de atualmente não sabem, mas Roberto Vaz também se aventurou como cantor. Foi na época do Sábado Show que ele resolveu cantar. À época. brigou com a equipe do programa pela insistência. Justificava que o programa tinha que ter alto astral para levantar a estima dos telespectadores que assistiam os casos comoventes que eram apresentados. Como decidiu cantar, a produção do programa criou algumas letras, que juntadas ao talento do músico Mão de Onça, tornaram-se um ingrediente a mais para a alegria na telinha.

Veja o trecho de uma delas:

 A alegria está no ar

Vamos, meu povo, cantar

Roberto Vaz já chegou

Para a festa animar

Sábado Show, Show

Roberto Vaz, Vaz

Tem muita festa, brincadeira e emoção…

Quando essa musiquinha tocava, tinha início, sempre às 20 horas, dos sábados, o show. E entre tantos programas, casos, artistas e pessoas, alguns personagens ganharam vida. E a alegre Durvalina foi, durante anos, destaque nas noites do sábado. Esta semana, atendendo um pedido da família, o jornalista e apresentador Roberto Vaz fez uma visita a uma de suas maiores admiradoras, a carismática Durvalina, que acaba de completar 100 anos de vida. O reencontro entre fã e apresentador foi um pedido da própria família de Durvalina e tocou profundamente o jornalista, que não pensou duas vezes e aceitou o convite.

Durvalina é paranaense, mas mora no bairro Santa Cecília, em Rio Branco há muitas décadas. Possui oito filhos e atualmente vive acamada. Não fala, não enxerga e pouco escuta. Há pouco tempo, antes de apresentar piora no estado de saúde, ela reuniu os filhos e disse: “quero realizar um sonho e rever o Roberto Vaz”, disse a família.

Na década de 90, o programa de auditório Sábado Show era recorde de audiência e contava com a presença de Durvalina sempre que ela podia. A filha conta que ela aos sábados ela se arrumava cedo para participar e dançar na atração televisa, que virou um marco na TV acreana.

“Ela é apaixonada pelo apresentador”, conta a filha Maria Silvarina. Vaz, como é carinhosamente chamado, não se conteve e se emocionou, indo às lagrimas. “No programa, ela era a essência do povo, a alegria do povo. Ela levava a reclamação do povo. Animou muitas tardes nossas na gravação do Sábado Show”. Para ele, Durvalina era a quebra de um paradigma. “Era a nossa estrela”, relembra.

O apresentador conta detalhes daquela época, de quando conheceu a admiradora de longa data. “Ela chegava, ficava no canto dela, mas sempre ia para frente do programa, porque a gente queria mostrar o povo como ele era. E era um compromisso nosso de ajudá-la, assim como fazíamos com outras pessoas, mas ela sobressaia”.

Ao lado da cama onde Durvalina passa a maior parte da vida atualmente, uma fotografia retrata os tempos em que ela participava do programa com o ídolo.

Assista ao vídeo emocionante:

Comentários

Continue lendo

Em alta