Vereador cobra conclusão de investimentos do BID no valor de R$ 2,9mi

Vereador cobra providencias e conclusão do empréstimo que deveria ser aplicado no ano de 2018 pela gestão passada.

Um investimento de quase três milhões de reais levantado junto do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), feito pelo governo passado e que deveria beneficiar centenas de moradores que moram no Ramal Filipinas, na zona rural do município de Brasiléia, está sendo questionado pelo vereador progressista, Joelso Pontes.

Esse empréstimo que deveria ser investido em bueiros, manutenção de ramais e pontes, visando apoiar a produção comunitária daqueles moradores, nos quase 40 quilômetros. A obra que deveria ser entregue em seis meses até o final do ano de 2018, no valor preciso de 2.973.920,50, ficou sem conclusão no prazo estipulado.

Joelso Ponte esteve na Capital e teve reunião com novos secretários da pasta responsável pelo problema.

Diante do problema, o vereador vem buscando apoio do Estado para a obra que seja analisada junto a Secretaria de Meio Ambiente. “Isso é dinheiro emprestado do BID que o Estado vai ter que prestar conta e a nossa preocupação é saber se a empresa vai voltar”, destacou o vereador.

Segundo o vereador, foi informado que a Secretaria estará formando uma Comissão para avaliar a questão e chamar a empresa responsável para saber o quanto já foi investido do dinheiro e quanto ainda tem.

Veja vídeo reportagem.

 

Comentários